Trânsito

Porto de Imbituba conscientiza motoristas sobre o uso do cinto de segurança

Esta é a primeira de uma série de atividades sobre segurança no trânsito que serão realizadas pela Autoridade Portuária nos próximos meses.

Divulgação/Porto de Imbituba

Ao longo da última semana, de 16 a 19 de julho, os motoristas dos carros e caminhões que trafegaram no Porto de Imbituba receberam informações e orientações da equipe da SCPar Porto de Imbituba na campanha de conscientização da Semana do Trânsito. O foco desta ação foi reforçar a necessidade do uso do cinto de segurança também na área portuária, priorizando o bem-estar dos condutores e passageiros.

Além de dados sobre o uso de cinto de segurança, o material educativo entregue trouxe informações sobre as demais normas internas de trânsito, tais como o estacionamento correto e o uso obrigatório de crachá e Equipamentos de Proteção Individual. Uma das ações foi a entrega de flyers orientativos aos condutores dos veículos. Participaram desta iniciativa colaboradores da Comissão de Trânsito e dos setores de Saúde, Segurança e Meio Ambiente (SSMA) e Comunicação da SCPar, que se voluntariaram para cooperar com a campanha.

Esta é a primeira de uma série de atividades sobre segurança no trânsito que serão realizadas pela Autoridade Portuária nos próximos meses. As outras abordagens irão contemplar temáticas como o uso de celular na direção e os limites de velocidade. Em setembro, a SCPar Porto de Imbituba também fará ações dentro da Semana Nacional de Trânsito de 2019, que acontece entre os dias 18 e 25 de setembro. Estabelecido pelo Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), o tema dessa campanha é “No trânsito, o sentido é a vida”.

Divulgação/Porto de Imbituba

Cinto de segurança salva vidas

Há mais de 20 anos, o uso do cinto de segurança é obrigatório em todo o território brasileiro. No entanto, segundo a Polícia Rodoviária Federal, 13% dos motoristas não o utilizam regularmente, resultando em mais de 40 mil multas somente nos primeiros três meses deste ano. Dados da Associação Brasileira de Medicina de Tráfego apontam que a utilização do cinto de segurança no banco da frente reduz em até 45% o risco de morte e até 75% do risco de morte no banco de trás.

Divulgação/Porto de Imbituba

Notícias Relacionadas

Juíza de Sombrio prega uso de inovações tecnológicas para acelerar adoções

Magistrada participou de evento sobre boas práticas de adoção em Brasília.

Porto de Imbituba realiza maior embarque de granel sólido da Região Sul do Brasil

O cargueiro de bandeira liberiana segue para o Porto de Tianjin, na China.

Utilidade Pública – Tubarão Saneamento pede atenção aos motoristas ao trafegar pela cidade

Atenção deve ser redobrada principalmente com as fortes chuvas que atingem a Cidade Azul

Novo deslizamento de rochas é registrado na Serra do Rio do Rastro

Retirada das rochas sobre a pista acontecerá nesta tarde de segunda (02), segundo informado pelo Deinfra à PMRv do Mirante da Serra.