Saúde

Prefeitos da AMREC devem decretar medidas restritivas contra Covid-19 na quinta-feira (11)

Os prefeitos entendem que apenas o sul tomar uma medida mais drástica seria insuficiente, já que os leitos de UTI são de regulação estadual

Divulgação

Os prefeitos de Criciúma, Araranguá e Tubarão, junto com os presidentes das Associações de Municipios da AMREC, AMESC e AMUREL e ainda os diretores executivos das três associações, estiveram reunidos na terça-feira (08/03) a tarde para avaliação da pandemia. O encontro foi realizado de forma online, onde os prefeitos decidiram aguardar uma decisão do Estado, já que último decreto estadual encerra-se na quarta-feira (10/03).

Um novo encontro já está agendado para quinta-feira (11/03), às 14h. Os prefeitos entendem que apenas o sul tomar uma medida mais drástica seria insuficiente, já que os leitos de UTI são de regulação estadual. A intenção dos prefeitos é tomar uma decisão em conjunto das três regiões, para evitar a circulação das pessoas, e por consequancia a proliferação do vírus.

“Vamos esperar o novo decreto do governador do Estado com novas medidas. Dependendo dos decreto, podemos decretar medidas mais restritivas, ou até um semi-lockdown”, disse o presidente da AMREC, Jorge Kock. A regoão da Amurel já tomou a decisão de decretar lockdown por sete dias. Mas a decisão depende da AMREC e da AMESC para decretar em conjunto. “As UTIs estão lotadas, falta respiradores e remédios. Precisamos manter os cuidados com uso de mascara, gel e distanciamento”, resalta o prefeito.

Notícias Relacionadas

Tubarão: PM apreende 800 pedras de crack e R$ 600

Ocorrência foi registrada na tarde dessa segunda-feira, no bairro Aeroporto.

Entra e sai: veja mais quatro mudanças de Daniela Reinehr no secretariado de SC

Governadora interina Daniela Reinehr (sem partido) promoveu mais quatro mudanças no primeiro escalão do governo de SC; confira.

Santa Catarina ultrapassa um milhão de vacinas aplicadas contra a Covid-19

Ao todo, foram 1.056.474 doses aplicadas em todo território catarinense.

No sufoco, Tigre bate o Metropolitano e respira na luta para não cair

Uilliam Barros e Eduardo espantam a má fase e marcam os gols da primeira vitória do Criciúma no Catarinense.