Poder Executivo

Prefeitura de Criciúma deposita segunda parcela do 13º salário

Pagamento ocorre nesta sexta-feira (15). Administração Municipal destinará aproximadamente R$ 6,2 milhões para contemplar os servidores

Foto: Jhulian Pereira – Decom Criciúma

Mais de 4,6 mil servidores da Prefeitura de Criciúma recebem nesta sexta-feira (15), o valor correspondente a segunda parcela do 13º salário. Para contemplar os profissionais, a Administração Municipal depositará aproximadamente R$ 6,2 milhões. Os salários de dezembro serão pagos até o dia 28.

A primeira parcela do 13º salário foi quitada em julho. “O 13º salário aquece a economia. Tivemos um ano muito difícil, mas toda a equipe da Administração Municipal está de parabéns pelo trabalho desenvolvido em prol de Criciúma”, ressalta o secretário municipal da Fazenda, Robson Gotuzzo.

Além da segunda parcela do 13º salário dos servidores municipais, o Governo de Criciúma destinará aproximadamente R$ 5,5 milhões para quitar bolsas de estudo e rescisões de funcionários Admitidos em Caráter Temporário (ACTs).

“Em 2017, reduzimos despesas e pagamos contas. Com o apoio de todos os profissionais do Governo de Criciúma, tomamos medidas para o município voltar a crescer. Os pagamentos aos servidores encerram um ano de muito trabalho”, conta o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

Colaboração: Jhulian Pereira – Decom Criciúma

Notícias Relacionadas

Governo Municipal divulga calendário para cadastramento relativo ao saque do FGTS dos atingidos pelas chuvas de maio

O atendimento será realizado a partir da próxima terça-feira (22), seguindo até sábado (26), no Centro de Múltiplo Uso, na rua Humberto Salvan, no bairro Esperança.

Clínicas e laboratórios particulares de Braço do Norte terão que informar a Prefeitura sobre exames para Covid-19 realizados

O Decreto 026/2020, assinado pelo prefeito, Beto Kuerten Marcelino, na noite deste domingo (12), visa garantir a transparência sobre os dados da doença no Município.

STF autoriza SC a utilizar recursos do pagamento da dívida com a União no enfrentamento da Covid-19

O pedido foi protocolado pela Procuradoria-Geral do Estado de Santa Catarina (PGE) para garantir que a União deixe de aplicar qualquer tipo de penalidade ao estado em razão da suspensão dos pagamentos.

Ex-secretário de Administração de Orleans e empresa tem bens bloqueados

Segundo o Ministério Público, Eduardo Bertoncini era responsável pela pasta na gestão do ex-prefeito Marco Antônio Bertoncini Cascaes