Geral

Prefeitura de Criciúma está com atendimento afetado por conta das chuvas

Alguns setores da Prefeitura ficaram prejudicados com acúmulo de água; sistemas elétrico, telefônico e de internet foram desligados por precaução; outros serviços vinculados à Prefeitura Municipal de Criciúma estão sem telefone e internet, e portanto, com o atendimento afetado

Divulgação

Por conta das chuva deste domingo, 06, a Prefeitura de Criciúma teve alguns de seus atendimentos e serviços afetados. Setores dentro do Paço Municipal tiveram acúmulo de água, portanto, sistemas elétricos, telefônicos e de internet foram desligados por precaução. Confira a nota do governo municipal:

Por conta da chuva intensa registrada no fim de tarde e noite desse domingo, 06, e considerando que o Paço Municipal está realizando reformas no telhado, alguns setores da Prefeitura ficaram prejudicados com acúmulo de água.

Por precaução, os sistemas elétrico, telefônico e de internet foram desligados. Nesse momento, Paço Municipal, Unidades Básicas de Saúde (UBS) e todos os outros serviços vinculados à Prefeitura Municipal de Criciúma estão sem telefone e internet, e portanto, com o atendimento afetado.

As equipes da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana e da Diretoria de Tecnologia da Informação estão monitorando a situação.

Com isso, os serviços devem ser restabelecidos gradativamente ao longo do dia.

Com informações do TNSul

Notícias Relacionadas

Cinco suspeitos de tráfico de drogas são presos em SC

Prisões ocorreram por meio da "Operação Tarrafa" da Polícia Civil

SC monitora varíola do macaco após 90 casos confirmados em ao menos 12 países

Até o momento, não há registros de casos de varíola dos macacos no Brasil; vírus é semelhante ao da varíola humana, inclusive nos sintomas

Dívida de R$ 2 mil motivou tiros contra sargento da PM em SC

Policial Militar foi vítima de uma tentativa de homicídio na madrugada do último sábado (21); quatro suspeitos foram presos

SC tem quase 100% de taxa de ocupação de leitos de UTI pediátricos e neonatais

Ocupação de leitos de UTI pediátricos chega a 97,9% no Estado; bebê de dois meses aguarda abertura de leito em hospital da Capital para realizar cirurgia