Geral

Prefeitura de Tubarão começa a definir ações de auxílio à população atingida pelas cheias

Com os primeiros números em mãos, o prefeito Joares Ponticelli e o vice-prefeito Caio Tokarski passaram a tarde realizando reuniões e contatos

Divulgação

A segunda-feira (9) começou com diversas frentes de ações buscando formas de auxiliar as famílias atingidas pelas cheias, provocadas pelas fortes chuvas da última semana. As equipes de infraestrutura e de serviços públicos atuam fortemente nas comunidades atingidas, com limpeza e recuperação de vias, já a Fundação de Desenvolvimento Social está com as equipes nas comunidades, cadastrando as pessoas que tiveram casas alagadas, a fim de levantar as principais necessidades.

Com os primeiros números em mãos, o prefeito Joares Ponticelli e o vice-prefeito Caio Tokarski passaram a tarde realizando reuniões e contatos, que já resultaram em algumas decisões. Em reunião com o diretor-geral da Tubarão Saneamento, duas decisões foram tomadas: a primeira é a suspensão por 60 dias do pagamento da conta de água, das pessoas que possuem o benefício da tarifa social, por outro lado, os consumidores que estão em áreas onde houve alagamentos, deverão pagar no mês de maio o valor médio da conta de água dos últimos meses, mesmo que tenha havido consumo maior, em função das limpezas realizadas.

Em uma reunião com a diretoria do Sindicato da Indústria da Madeira e do Mobiliário da Amurel – Sindimad, ficou decidida a compra pela prefeitura de 100 balcões para pia, quando o município pagará apenas o material, com a mão de obra doada pelas empresas. Assim, quando prontos, serão doados às famílias com esta demanda, apontadas pelo levantamento da FMDS.

Um programa de compra de kits de eletrodomésticos como fogões, botijões de gás, geladeiras, dentre outros, também será criado. Para isso haverá investimento de recursos próprios dos municípios, além de contribuições de empresas com sede na cidade.

Outra decisão tomada diz respeito aos servidores da prefeitura, que terão a primeira parcela do décimo salário antecipada para o próximo dia 6. Uma nova versão do REFIS, Programa de Refinanciamento de Dívidas Municipais, também será enviada para aprovação da Câmara de Vereadores, na próxima semana, visando facilitar o pagamento de dívidas municipais.

“Ainda estamos em fase de levantamento dos prejuízos, mas já definindo medidas que possam amenizar as perdas dos tubaronenses que foram duramente impactados com esta situação. Durante a semana outras medidas serão definidas, que, junto com as diversas campanhas e as contribuições da sociedade tubaronense, certamente vão fazer a diferença neste momento de reconstrução”, disse Joares.

Na próxima semana ocorrerá uma nova reunião com o governador Carlos Moisés, onde serão definidos os valores que devem ser repassados pelo governo ao município. Uma linha de crédito para construção de casas populares também está na pauta de demandas para esta reunião.

Solidariedade

Diversas entidades da cidade e até de outros municípios estão desenvolvendo campanhas de arrecadação de alimentos e outros donativos. A Fundação Municipal de Desenvolvimento Social já distribuiu mais de 600 cestas básicas, além de 400 colchões e diversos outros artigos.

Estes materiais são frutos de doações dos tubaronenses e de compras realizadas pela FMDS. Nesta segunda-feira (9) chegaram ao município o restante das 400 cestas básicas enviadas pela Defesa Civil de Santa Catarina, que passam a ser distribuídas. A DC estadual também enviou 200 kits acomodação, com colchões, travesseiros e roupas de cama.

Com informações do HCNotícias

Notícias Relacionadas

Prazo para aderir ao Relp termina dia 31, alerta Receita Federal

Pagamento pode ser feito em até 180 vezes

Homem em situação de rua é agredido com pedras por duas pessoas em SC, diz PM

Agressões só pararam quando um motorista que passava pelo centro começou a buzinar. Ninguém foi preso.

Soldado russo julgado na Ucrânia é condenado à prisão perpétua

Vadim Shishimarin, de 21 anos, admitiu em julgamento que matou um civil de 62 anos em meio à invasão russa no nordeste ucraniano

Serra do Corvo Branco deve ter plano de recuperação iniciado

Pelo menos 12 pontos passarão por melhorias, pois foram afetados pelas fortes chuvas dos últimos dias