Geral

Prefeitura irá construir casas populares em São Joaquim

O valor orçado é de R$ 334.333,32, na tomada de preços o valor total foi de R$ 292.552,79.

Divulgação

Pensando em melhoria e bem estar da comunidade, a Prefeitura realizou no dia 06 de agosto, tomada de preço nº 02/2019, que consiste na contratação de empresa especializada para a construção de 6 (seis) casas de madeira com 50.4 m² para acomodar famílias que se encontram em situação de risco.

O valor orçado é de R$ 334.333,32, na tomada de preços o valor total foi de R$ 292.552,79. Essas casas vão ser de grande importância, pois vai beneficiar várias famílias que precisam de moradia.

Segundo o diretor de habitação do município, Henrique Dutra, essas casas são de madeira e serão entregues para famílias cadastradas e que já passaram por avaliação técnica e estudo social na secretaria de assistência. “ Ano passado foram três casas construídas, esse ano licitamos mais seis, nos disponibilizamos os recursos da pasta e trabalhamos para conseguir agregar essas casas para a população” frisa Henrique.

Essas casas vão começar a ser construídas em breve, tendo como objetivo o bem estar e melhoria da qualidade de vida para as famílias que vão receber os imóveis.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de São Joaquim 

Notícias Relacionadas

Governo Municipal divulga calendário para cadastramento relativo ao saque do FGTS dos atingidos pelas chuvas de maio

O atendimento será realizado a partir da próxima terça-feira (22), seguindo até sábado (26), no Centro de Múltiplo Uso, na rua Humberto Salvan, no bairro Esperança.

Ex-secretário de Administração de Orleans e empresa tem bens bloqueados

Segundo o Ministério Público, Eduardo Bertoncini era responsável pela pasta na gestão do ex-prefeito Marco Antônio Bertoncini Cascaes

Prefeitura realiza doação de terrenos para empresas e fomenta geração de empregos em Criciúma

Localizadas no Loteamento Industrial Vila Natureza, áreas foram destinadas para duas empresas. Objetivo é a geração de empregos e renda às famílias

Tribunal de Justiça autoriza prefeitura a retomar obras da passarela em frente à Unisul, em Tubarão

Iniciada em fevereiro, a construção da passarela precisou ser interrompida por alguns dias ainda no primeiro semestre por conta da ação judicial de uma empresa inabilitada no processo de licitação.