Litoral

Preso que teve objeto encontrado no estômago foge de hospital

Edson Jhonas Pagini de Oliveira, de 24 anos, estava em observação em um hospital para expelir o material, que não foi identificado.

Foto: Divulgação

Um detento da Colônia Penal Agrícola de Palhoça, na Grande Florianópolis, que teve um objeto encontrado no estômago, fugiu na tarde dessa quarta-feira (16). Edson Jhonas Pagini de Oliveira, de 24 anos, estava em observação em um hospital para expelir o material, que não foi identificado.

Na terça (15), outro preso de 24 anos precisou passar por cirurgia após retornar de uma saída temporária de sete dias. Ele foi flagrado com 62 objetos dentro do estômago, sendo 10 celulares e outras 52 peças, entre cabo USB, isqueiro e drogas. Ele passa bem.

O Departamento de Administração Prisional (Deap) não informou para qual hospital os detentos foram levados, por medida de segurança. Disse que um procedimento administrativo será aberto para investigar a fuga.

O material foi localizado durante uma revista por scanner corporal, no Complexo Penitenciário do Estado (COPE), localizado em São Pedro de Alcântara. Oliveira também retornava de saída temporária, junto com o outro preso que foi submetido a cirurgia. Ele respondia por furto e tráfico de drogas.

Com informações do G1SC

Notícias Relacionadas

Estado indenizará cidadão equivocadamente anunciado como preso em nota de rede social em Sombrio

O Estado de Santa Catarina foi condenado a indenizar o homem, por danos morais, em R$ 5 mil

Condutor é preso após tentar atropelar um policial federal rodoviário na BR-101, em Biguaçu

O homem de 24 anos estava com um com um veículo roubado. A ocorrência foi registrada na manhã do último sábado (13).

TRF4 manda afastar do cargo prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, preso na Operação Chabu

Determinação é que fique 30 dias fora das funções e não faça contato com demais suspeitos de envolvimento na operação. PF investiga a violação de sigilo de operações policiais

Um super Arraiá é promovido para crianças da oncologia pediátrica no Hospital São José em Criciúma

A tarde especial teve equipe e pacientes vestidos a caráter, pescaria, comidas típicas deliciosas, e muita, muita animação.