Trânsito

PRF inicia a Operação Proclamação da República nesta quinta-feira (14)

Serão quatro dias de operação, com ênfase na segurança e fluidez do trânsito.

Divulgação/PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia nesta quinta-feira (14) a Operação Proclamação da República 2019, com término previsto para a meia-noite de domingo (17). Serão quatro dias de operação, com ênfase na segurança e fluidez do trânsito.

No ano passado o feriado caiu numa quinta-feira. Nos quatro dias da operação do ano passado ocorreram 98 acidentes com um saldo de 113 feridos e cinco mortos. A PRF/SC vai realizar, durante todos os dias da Operação, uma intensa fiscalização de alcoolemia em vários pontos do Estado.

Haverá restrição de trânsito para veículos com excesso de dimensões na quinta-feira (14) das 16h às 22h, na sexta-feira das 6h às 12h e no domingo das 16h às 22h.

O maior movimento esperado é no domingo de tarde e início da noite, quando termina o feriadão e ocorre a volta para casa. Considerando que este é o único feriadão deste segundo semestre, há uma expectativa que muita gente viaje, sobretudo em direção ao litoral.

A PRF recomenda a todos que mantenham os faróis acesos de dia e de noite, usem o cinto de segurança, inclusive no banco traseiro, respeitem os limites de velocidade, não usem o telefone celular enquanto estiverem dirigindo e, se beber, não dirija.

Notícias Relacionadas

Idoso capota carro sobre a Ponte Anita Garibaldi, em Laguna

Motorista de aproximadamente 80 anos estava sozinho quando perdeu o controle do veículo com placas de Braço do Norte.

Morador de Lauro Müller é baleado durante assalto a ônibus de comerciantes na BR-101; Veja vídeos

Governo de Lauro Müller inicia obras para revitalização em Centro de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, no Barreiro

O novo serviço vai atender jovens e adolescentes que integram o serviço coordenado pelo Cras, dando acompanhamento em local adequado e revitalizado.

PRF prende foragido do sistema penal do RS com CNH falsa em Tubarão, na BR-101

Ele foi preso e encaminhado para a Polícia Federal de Criciúma.