Geral

Primeira edição do ‘Criança no Parque’ aproxima os pequenos das forças de segurança em Criciúma

Em alusão ao Dia das Crianças, a Equipe Multi-institucional entregou guloseimas, realizou brincadeiras e tirou dúvidas dos pequenos sobre as forças de segurança

Divulgação

A criançada que circulou pelo Parque das Nações Cincinato Naspolini teve uma experiência diferente. A equipe Multi-institucional e o Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM) de Criciúma distribuíram guloseimas, realizaram brincadeiras e tiraram dúvidas dos pequenos sobre as forças de segurança do município. A iniciativa foi a primeira edição do ‘Criança no Parque’ e ocorreu em alusão ao Dia das Crianças, celebrado na última terça-feira (12).

“Recebemos o convite da administração do Parque das Nações e resolvemos participar. É uma data importante para levar ao público infantil a questão das instituições, das forças de segurança e quebrar paradigmas. Entramos no parque em comboio com sirenes e giroflex e isso trouxe outro significado, no sentido de levar paz, solidariedade e também despertar o interesse e a curiosidades das crianças”, ressaltou o presidente da Cruz Vermelha, Almir Fernandes.

As instituições levaram seus representantes com viaturas, equipamentos e cães policiais. “Ficamos na área central do parque para conversar com os visitantes e, principalmente, com as crianças. A nossa intenção era de aproximar a garotada das forças de segurança, para se familiarizarem”, comentou o diretor da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec) de Criciúma, Fred Gomes.

Notícias Relacionadas

Homem que matou estuprador é condenado a 14 anos de prisão em Criciúma

O crime aconteceu em fevereiro de 2019, quando a vítima foi assassinada a tiros por Y.D.C., à época com 23 anos, no bairro Cristo Redentor, em Criciúma

São Ludgero foi sede da reunião do Colegiado de Educação da Amurel

O evento foi aberto e coordenado pelo Assessor da Amurel, responsável pela área de Educação

Governador Carlos Moisés destaca inovação catarinense durante Circuito Inova SC

O reitor do Unibave, Guilherme Valente de Souza, destacou o momento ímpar vivido pela Acafe e por cada universidade comunitária do Estado

Santa Catarina reduz a cinco meses intervalo para dose de reforço em idosos

A logística de encaminhamento de doses para os municípios tem ocorrido de forma ágil e leva em conta a estimativa populacional do IBGE