Geral

Professores estaduais de SC que aderiram aos protestos pela Educação terão desconto em folha

Mais de 2,5 mil professores estaduais integraram a manifestação – 7% do total de docentes do Estado.

Foto: Diorgenes Pandini

A Secretaria de Estado da Educação vai descontar como falta, na folha de pagamento, a participação de professores da rede estadual nos protestos da última quarta-feira, contra o bloqueio de verbas no Ministério da Educação. Mais de 2,5 mil professores estaduais integraram a manifestação – 7% do total de docentes do Estado.

A Secretaria informou que foi avisada com antecedência pelo Sindicato dos Trabalhadores da Educação (Sinte) sobre o ato. Na segunda-feira, 13 de maio, dois dias antes do protesto, enviou um ofício com orientação às Gerências Regionais de Educação para que fosse registrada falta de quem aderisse ao ato.

Em nota, informou que 80% das aulas foram mantidas na rede estadual.

Para sindicato, medida é ilegal

A postura da Secretaria tem sido a mesma desde 2012, em relação à participação de servidores da Educação em protestos. Para o Sinte, o Estado desrespeita a lei e usa as faltas irregularmente, como forma de punição.

O sindicato enviou uma carta de repúdio à Secretaria, e aguarda resposta. Deve recorrer à Justiça, para garantir aos professores a reposição do pagamento no dia de protesto.

Colaboração: Comunicação Diário Catarinense 

Notícias Relacionadas

Santa Catarina registra dois novos casos de coronavírus e divulga plano de contingência para enfrentar a doença

Educação monta força-tarefa para garantir que alunos de comunidades distantes recebam atividades impressas

O mesmo esforço para entregar as atividades impressas para alunos sem acesso à internet está sendo feito por vários gestores escolares e professores da rede estadual.

Secretaria de Estado da Educação assina acordo de compartilhamento de dados públicos com o TCE-SC

As assinaturas foram colhidas na abertura do Fórum TCE Educação, em Florianópolis. O evento recebeu cerca de 500 gestores públicos ligados à área de educação

Unibave receberá mais de R$ 1 milhão do Governo de Santa Catarina para concessão de bolsas

Os recursos de bolsas do UNIEDU são assegurados pelo Governo do Estado de Santa Catarina e favorecem a inclusão de jovens no ensino superior com dificuldades de realizar os seus estudos.