Geral

Profissionais alertam e orientam sobre violência contra a pessoa idosa

Hoje, 15 de Junho, marca o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa.

Divulgação

Hoje, 15 de Junho, marca o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa. Com o objetivo de conscientizar e orientar, a equipe da Secretaria de Assistência Social reuniu a terceira idade do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos do CRAS para alertar.

A ação faz parte das atividades do Junho Violeta que propõe a troca da violência por uma violeta. O trabalho foi desenvolvido pela Terapeuta e Coordenadora do grupo Rita Lorena De Bona Sartor e a Psicóloga Jéssica Gislon Sazan sob coordenação da secretária de Assistência Social, Angela Mendes Anjo. Durante o encontro foram discutidos sobre os tipos de violência contra a pessoa idosa, como identificar, prevenções e como proceder com a denúncia.

“O objetivo da data é criar uma consciência mundial, social e política da existência da violência contra a pessoa idosa e, principalmente, não aceitar essa situação como normal. A violência contra a pessoa idosa é, e deve ser entendida, como uma grave violação dos Direitos Humanos”, ressalta Jéssica.

Saiba Mais

Um levantamento feito pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos publicado na Agência Brasil nesta semana, revelou que, no ano passado, o Disque 100 registrou um aumento de 13% no número de denúncias sobre violência contra idosos, em relação ao ano anterior. O serviço de atendimento recebeu 37.454 notificações, sendo que a maioria das agressões foi cometida nas residências das vítimas (85,6%), por filhos (52,9%) e netos (7,8%).

As violações mais comuns foram a negligência (38%); a violência psicológica (26,5%), configurada quando há gestos de humilhação, hostilização ou xingamentos; e a violência patrimonial, que ocorre quando o idoso tem seu salário retido ou seus bens destruídos (19,9%). A violência física figura em quarto lugar, estando presente em 12,6% dos relatos levados ao Disque 100.

Colaboração: Comunicação Assessoria de Imprensa do Governo Municipal de Cocal do Sul

Notícias Relacionadas

Centro de Convivência: Siderópolis terá novo espaço para receber crianças, jovens, adultos e idosos

O local receberá grupos que integram o serviço de convivência, que totalizam 326 pessoas, entre crianças, jovens, adultos e idosos.

Prefeitura de Jacinto Machado vacina idosos contra a gripe em casa para evitar aglomerações nos postos

No total, são 2.200 pessoas acima de 60 anos, que serão imunizados.

Saúde de Jacinto Machado alerta para que viajantes passem por triagem ao retornar à cidade

Com dois casos de coronavírus confirmados, ambos em pessoas que viajaram para fora do município, a iniciativa visa conter a proliferação do vírus e também dar segurança ao viajante que retorna para sua família.

Projeto de lei em SC proíbe venda de empréstimos a idosos por telefone e internet

Objetivo do autor da proposta, delegado Ulisses Gabriel (PSD), é evitar golpes contra aposentados