Geral

Representantes dos governos, estadual e federal, conhecem o projeto Defesa Civil na Escola de Imbituba

A comitiva esteve na cidade para conhecer o projeto “Defesa Civil na Escola”.

Divulgação

Um encontro, realizado nesta quarta-feira (04), trouxe a Imbituba os representantes da Defesa Civil Estadual, bem como o Consultor da Fundação Nacional Saúde (FUNASA), que é vinculado ao Governo Federal, em Brasília. A comitiva esteve na cidade para conhecer o projeto “Defesa Civil na Escola”.

O projeto, que foi iniciado em 2018, tem o objetivo de capacitar à comunidade escolar com relação à prevenção de desastres. Ao longo da reunião, um dos professores apresentou o trabalho que é executado nas escolas e o mascote da Defesa Civil Estadual, o Radar, marcou presença e animou os participantes.

“A experiência de Imbituba está sendo levada para Brasília e, de repente, pode ser difundida além das fronteiras do Brasil. Esse é um exemplo para o país. A ideia é elevar o programa defensivo que é ofertado nas escolas e que pode se transformar em exemplo para outras escolas”, lembrou Rosinei da Silveira, Coordenador Regional da Defesa Civil.

O Consultor da Fundação Nacional de Saúde, Rodolfo Junqueira, fez questão de lembrar que essas práticas pedagógicas são muito ricas, pois, envolvem os professores e comprometem as escolas junto ao tema. “Essas práticas buscam trazer para o conteúdo curricular o cuidado aliado à percepção ambiental, entendendo que as crianças são a melhor forma de ampliação dos conhecimentos”, disse Rodolfo Junqueira.

Logo após a reunião, os representantes da Defesa Civil e o mascote Radar visitaram a Escola de Educação Básica Deputado Joaquim Ramos, onde o projeto já foi implantado. No local, houve interação com as crianças e adolescentes.

Para Regina Panceri, Gerente de Pesquisa e Extensão da Defesa Civil do Estado, o programa que é desenvolvido em Imbituba é muito importante, justamente, porque visa colocar no currículo escolar a temática de proteção e Defesa Civil. “O modelo de Imbituba é uma referência que pode ser levada para outros estados”, reiterou Regina Panceri.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Imbituba 

Notícias Relacionadas

Condutor é preso após tentar atropelar um policial federal rodoviário na BR-101, em Biguaçu

O homem de 24 anos estava com um com um veículo roubado. A ocorrência foi registrada na manhã do último sábado (13).

Defesa Civil de Criciúma realiza abertura da Operação Primavera e do Curso de Agente Voluntário nesta terça-feira

Evento inicia às 19h, no plenário da Amrec. Operação visa executar atividades de prevenção no município

Reunião com a Defesa Civil municipal debateu estratégias para o frio intenso em São Joaquim

A Defesa Civil alerta que a onda de frio intenso pode causar prejuízos na agricultura, congelamento de canos e rodovias, por isso um cuidado especial muita atenção nessas áreas.

Postos da Polícia Rodoviária mantém interdição da Serra e alegam não ter recebido comunicação oficial

Lideranças municipais de Lauro Müller e Bom Jardim da Serra foram informados na manhã desta sexta-feira (01), da liberação do tráfego de caminhões até 15 toneladas na SC-390, trecho da Serra do Rio do Rastro.