Geral

Restaurantes, hotéis, bares e similares do Sul de SC fecham acordo coletivo

O salário da categoria teve o reajuste de 5,56%, alcançando o salário mínimo fixado no estado.

Restaurantes, hotéis, bares e similares do Sul de SC fecham acordo coletivo

Foto: Divulgação / Novo Texto Comunicação

O Sindicato das empresas de restaurantes, hotéis, bares e similares do Sul de Santa Catarina fechou o acordo coletivo, sendo a convenção coletiva homologada somente em junho. Como a data base da categoria é o mês de maio e o atraso no envio da convenção pelo sindicato laboral, as empresas vão pagar a diferença salarial no salário de junho, de forma cumulativa, o que acabou frustrando os trabalhadores do setor.

Conforme as negociações, os trabalhadores do setor terão o reajuste de 5,56% no salário. Considerando o INPC de abril de 3,99% e ganho real de 1,57%. Desta forma, o salário normativo da categoria alcançou o piso fixado para Santa Catarina, no valor de R$1.235,00.

Durante as negociações foi acordado, entre as partes, que as empresas do setor não poderão terceirizar a atividade fim do estabelecimento, sendo considerada uma das principais alterações desta convenção coletiva. Para a presidente do Núcleo Patronal, Mara Regina Amaral, as negociações foram positivas, já que foi possível manter os padrões de negociações passadas.

“Como único ponto negativo, avaliamos que com essa homologação somente em junho, não conseguimos realizar o pagamento do reajuste ainda no salário de maio, mas vamos fazer esse pagamento cumulativo neste mês de junho. Infelizmente essa demora no envio da convenção por parte do sindicato dos trabalhadores acabou frustrando os profissionais do setor”, salientou.

Colaboração: Clara Fernandes / Novo Texto Comunicação

Notícias Relacionadas

Comarca de Criciúma, em seu 1º júri do ano, analisa homicídio ocorrido em bar

Segundo a denúncia, o crime ocorreu em março de 2016, próximo a um bar na cidade de Nova Veneza.

Dono de restaurante detém ladrões nesta madrugada em Lauro Müller

O dono do estabelecimento acordou com barulhos vindo do restaurante e encontrou os ladrões.

Pousada Rural Redivo: um pedacinho do paraíso ao pé da Serra do Rio do Rastro

Dono de restaurante é preso por comprar merenda que foi desviada em Criciúma

O homem é suspeito de receptação qualificada, informou a polícia civil.