Saúde

Saiba quais serão os primeiros grupos a receber a vacina contra Covid-19 em Santa Catarina

serão imunizados alguns grupos prioritários: trabalhadores da Saúde, pessoas acima de 75 anos, pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas e população indígena

Divulgação

Santa Catarina recebeu pouco mais de 144 mil doses da vacina contra Covid-19 nesta segunda-feira, 18, incluindo as 17,4 mil doses exclusivas para a população indígena. Nesta primeira etapa, conforme previsto no Plano Estadual de Vacinação, serão imunizados alguns grupos prioritários: trabalhadores da Saúde, pessoas acima de 75 anos, pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas e população indígena.

“É importante que os catarinenses acompanhem as atualizações e aguardem seu grupo ser chamado para a vacinação contra a Covid-19. Santa Catarina tem agulhas e seringas suficientes para as primeiras etapas da imunização, mas é preciso aguardar a chegada de novas doses por parte do Ministério da Saúde”, afirma o secretário da Saúde, André Motta Ribeiro.

De acordo com as doses da CoronaVac recebidas nesta segunda-feira, 18, a previsão é imunizar mais de 68,5 mil de catarinenses inicialmente, considerando que são necessárias duas doses e que haja alguma possível perda técnica. A distribuição por grupo prioritário está prevista da seguinte forma:

Pessoas com mais de 60 institucionalizadas: 3460
Pessoas com deficiência institucionalizadas: 263
População indígena: 8317
Trabalhadores da saúde: 56540
Total: 68.580 pessoas

Doses chegam a Florianópolis

O secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, participou na manhã desta segunda-feira de um ato simbólico de entrega das doses em Guarulhos. A carga chegou no hangar da Base Aérea em Florianópolis por volta das 11h30. A partir deste momento o Governo do Estado dará início à logística de distribuição, que vai acontecer por via terrestre e aérea.

Os imunizantes seguiram para o almoxarifado da Secretaria de Estado da Saúde (SES), na Grande Florianópolis. Eles serão separadas pelas equipes da SES para a distribuição nas 17 regionais da Saúde no Estado.

As forças de segurança de Santa Catarina já traçaram as rotas e seguem prontas para realizar as escoltas e levar, em até 24 horas, os imunizantes do centro de distribuição até os municípios catarinenses. As vacinas serão transportadas por terra para cidades mais próximas e via aérea para as regiões mais distantes, como o Oeste e Extremo Oeste.

Notícias Relacionadas

Fapesc investe R$ 1 milhão em novos estudos para produção de vinho e uva em SC

A produção de uvas e vinho abrange ainda uma área de cultivo de cerca de 6 mil hectares em diferentes regiões. Só de vinícolas, são 95 empresas registradas no Estado

Profissionais da Assistência Social passam por minicurso sobre abordagem antirracista em Criciúma

Palestra foi ministrada por três profissionais da área da Educação e Direito e ocorreu no Salão Ouro Negro

24 horas: Um sonho de 30 anos realizado em Cocal do Sul

A inauguração será neste domingo (26), às 18h, no dia do aniversário de 30 anos de Cocal do Sul

Edital Cultura Criciúma contemplará 30 projetos com R$ 133 mil

Inscrições podem ser feitas até o dia 22 de outubro. Objetivo é incentivar atividades culturais na cidade