Política

Salvaro anuncia ampliação do turismo e nega candidatura ao estado

Prefeito apresentou um plano de turismo na cidade, falou sobre candidatura ao governo do Estado e a devolução de recursos para combate o pandemia ao governo federal e estadual em uma coletiva de imprensa realizada na manhã desta quinta-feira, 16

Divulgação

Clésio Salvaro, prefeito de Criciúma, apresentou um plano de ampliação do turismo na cidade, falou sobre candidatura ao governo do Estado e a devolução de recursos para combate o pandemia ao governo federal e estadual em uma coletiva de imprensa realizada na manhã desta quinta-feira, 16, no Parque dos Imigrantes, Rio Maina.

Na ocasião, foi divulgado oficialmente à imprensa o projeto da criação de um túnel no subsolo que ligará a Mina de Visitação Octávio Fontana e o Mirante Realdo Santos Guglielmi, no Morro Cechinel. A previsão é que o projeto seja entregue no dia 6 de janeiro de 2023. O túnel terá um quilômetro de extensão e 100 metros de profundidade. Também será feito um outro acesso com um elevador. Além disso, o mirante terá uma plataforma de vidro, um parque e um restaurante panorâmico. ”Em cima dele também vai ser instalado um grande telescópio. Quem gosta do turismo de aventura ficará deslumbrado”, afirma Clésio Salvaro.

Outro projeto que também está na visão do governo municipal é a construção de um planetário. Esse outro projeto, segundo o prefeito, foi apresentado para o governador Carlos Moisés nesta quarta-feira, 15, junto do presidente da Fundação Cultural de Criciúma, Zalmir Casagrande e do chefe da Casa Civil, Eron Giordani. “Dependendo da negociação do terreno ou não, nós vamos construir um planetário e também um observatório. Próximo a ele, vamos construir uma réplica do Stonehenge”, revela o prefeito. O stonehenge é um monumento do período neolítico e fica localizado no sul da Inglaterra.

No Parque dos Imigrantes, há também um projeto de um pátio de manobras para passeios de trem. “O Zalmir está muito envolvido nisso. A partir de hoje vai tocar esse projeto a todo o vapor”, conta Salvaro. De acordo com o prefeito, a cidade será a mais turística do estado. “O projeto não é nada fora do normal: é transformar Criciúma na cidade mais turística de Santa Catarina fora das cidades litorâneas. Eu tenho certeza, nós vamos nos transformar na cidade mais turística”, projeta.

Com previsão para entrega em 2023, um cercamento da Praça do Congresso e melhorias na arborização e na iluminação estão previstos. “Ela vai receber uma melhora significativa. Aquela praça não dá para deixar aberta. A família não pode frequentar o ambiente porque ali tem pessoas que utilizam para fazer sexo explicito, para se drogar”, pontua Clésio.

Para Zalmir Casagrande, os investimentos no turismo movimentam a região. “Esse túnel que a gente tá ligando com o mirante, que também é uma outra ferramenta muito bacana para a nossa cidade, com certeza é um ponto turístico não só municipal, mas regional, estadual e brasileiro”, pensa Zalmir Casagrande, que ainda fala que “com certeza trará muita gente para a nossa cidade movimentando a hotelaria, a gastronomia, ou seja, tudo o que a gente precisa numa cidade: uma cidade vibrante e com bastante gente circulando”, conclui.

Candidatura ao governo do estado

Clésio Salvaro afirmou nesta manhã de quinta-feira, 16, que não irá se candidatar ao governo do estado. “Eu fui eleito e reeleito para governar a cidade até dezembro de 2024 e eu vou cumprir este mandato”, fala.

Devolução de valores da Covid-19

Até dia 31 de dezembro, o valor que não foi gasto pelo governo municipal referente ao enfrentamento à pandemia de Covid-19 e que foi repassado pela federação ou estado, deve ser devolvido. “Nós vamos apresentar para a sociedade quanto nós gastamos de forma muito didática e clara”, explica Clésio.

Esgotamento sanitário

A ampliação do esgotamento sanitário em Criciúma também foi pauta da coletiva. A meta, de acordo com o chefe do executivo, é ampliar o tratamento de esgoto para 95% até o ano de 2030. “A meta é para os próximos dez anos, que está contido no plano nacional de saneamento básico, é de chegar até 2035 com pelo menos 95%. Nós queremos chegar até 2030 com pelo menos 80%”, diz o prefeito.

Extinção da Fundação do Meio Ambiente de Criciúma (Famcri)

O novo setor de meio ambiente da cidade, agora funcionará com a Secretaria de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana. O setor ficará no lugar da Secretaria de Educação, dentro da Prefeitura de Criciúma, no Paço Municipal Marcos Rovaris.

A Secretaria de Educação, futuramente, passará a funcionar junto da Câmara de Vereadores em uma edificação próxima da prefeitura e que fica dentro do Parque Prefeito Altair Guidi. “A fundação estava travando muito o desenvolvimento por uma questão de logística. Então, ela vai deixar de ser fundação e vai estar no Paço Municipal, junto da infraestrutura para fazer com que as coisas caminhem muito mais rápido’, conclui Clésio.

Com informações do TNSul

Notícias Relacionadas

Saúde lança nova versão da caderneta de saúde para crianças

Novo modelo será enviado aos estados e municipios até março

Cachoeira é interditada por tempo indeterminado após queda que matou jovem em SC

Leticia Silva Budal, de 20 anos, morreu após cair aproximadamente 50 metros dentro da cachoeira

SC tem 20 vezes mais pacientes em tratamento contra Covid do que no Natal

Em 25 de dezembro, estado tinha 1.987 casos ativos contra 45.915 de sexta-feira. SC enfrenta filas nos postos de saúde e unidades fechadas por causa do afastamento de profissionais da área.

Um ano de vacinação contra Covid-19 com início da imunização de crianças

A vacinação de crianças de 5 a 11 anos é a forma que SC celebra data