Geral

Santa Catarina registra abstenção de 22,47% no 1º turno, anuncia TSE; percentual foi 13,02% em 2016

Pleito foi realizado em meio à pandemia de Covid-19, com uma série de regras e mudanças. Idosos tiveram horário preferencial e o TSE retirou suspendeu o uso da biometria.

Divulgação

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) anunciou na madrugada desta segunda-feira (16), dentro da plataforma virtual, que o índice de abstenção no primeiro turno das eleições de Santa Catarina neste ano foi de 22,47%. O percentual foi maior do que o registrado em 2016, quando chegou a 13,02%.

Ao todo, 4.036.244 milhões de eleitores foram votar no domingo (15) em Santa Catarina. Outros 1.169.687 milhão não apareceram para exercer o direito nas 295 cidades do Estado. No Brasil, a abstenção ficou em 23,14%.

Em Florianópolis, o índice de abstenção foi de 28,65%, segundo o TSE. Já em Joinville, no Norte catarinense, o número de faltantes chegou a 25,13% no primeiro turno das eleições 2020.

Apuração

Foram contabilizadas 13.640 mil seções em pouco mais de sete horas de apuração. Santa Catarina fechou a contagem de votos à 0h29.

Ao todo, 54.564 mesários trabalharam em 3.621 locais de votação, segundo o Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC).

Regras e Mudanças

As eleições foram realizadas em meio à pandemia de Covid-19, com uma série de regras e mudanças. Para evitar situações de aglomerações, por exemplo, o TSE retirou o uso da biometria e indicou as primeiras horas da votação preferencialmente para os idosos.

O uso de máscaras foi obrigatório tanto para eleitores quanto para os mesários. Apesar de o TRE informar que os mesários usariam viseiras plásticas (face shields), em muitos locais de votação eles estavam apenas com máscaras de pano.

Com informações do G1 Santa Catarina

Notícias Relacionadas

Criciúma fecha outubro com 695 novas vagas de emprego

Município alcança, mais uma vez, saldo positivo na geração de emprego. No mês de setembro, o saldo foi de 597 novas vagas

Julgamento do 1º pedido de impeachment contra governador de SC ocorre nesta sexta

Integrantes do tribunal especial de julgamento decidem se Carlos Moisés volta ao posto ou perde o cargo. Defesa nega que houve crime e acredita na absolvição.

Júri popular em Orleans condena homem por tentativa de homicídio qualificado

De acordo com a denúncia, os crimes aconteceram em abril de 2019, no bairro Pindotiba, na cidade-sede da comarca.

Geração de empregos em outubro é a maior do ano na região

Na soma, 12 municípios abriram 1.663 postos de trabalho com carteira assinada, superando a marca de agosto (1.473), até então o melhor desempenho de 2020.