Esporte

São Ludgero em busca dos títulos do 11º Campeonato Regional Adesc de Futsal 2021

Amanhã, quinta-feira, 14 de outubro, em Rio Fortuna, o jogo entre os Veteranos acontece às 20h30min no Ginásio Aloísio Willemann

Divulgação

As equipes da CME de São Ludgero Veteranos (Quarentão) e a Sociedade Esportiva Recreativa São Ludgero (SER São Ludgero) Adulto entram em quadra, novamente, com a determinação de conquistarem o título do 11º Campeonato Regional Adesc 2021 em cada categoria. A equipe do Veteranos precisa reverter a derrota sofrida em casa pelo placar de 4×2 e o segundo jogo acontece em Rio Fortuna, amanhã, quinta-feira, 14 de outubro. E, a equipe Adulto entra em quadra, jogando em Braço do Norte, com a vantagem de ter conquistado uma vitória no primeiro jogo por 2×1. Conduzem as equipes o técnico José Cargnin, o Zépi, tendo como auxiliar Ademir de Melo, o Tatá (Veteranos), e o técnico Thiago Machado (Delega), auxiliado por Valdir Januário de Oliveira, popular Dodó (Adulto).

Nos dois primeiros jogos da grande final, disputados no Ginásio da Afai, em São Ludgero, no dia 8 de outubro, última sexta-feira, a equipe do Veteranos perdeu pelo placar de 4×2 para Rio Fortuna com os dois gols marcados por Édio Medeiros e Gilson Goudinho de Oliveira. Já no Adulto contra Braço do Norte o placar foi favorável 2×1 com gols de Higor Balbino Vicente e Murilo Schlickmann.

Amanhã, quinta-feira, 14 de outubro, em Rio Fortuna, o jogo entre os Veteranos acontece às 20h30min no Ginásio Aloísio Willemann. Caso São Ludgero vença no tempo normal, a decisão será nas penalidades, não havendo prorrogação. E, na sexta-feira, 15 de outubro, o segundo jogo contra Braço do Norte, acontece a partir das 20h30min no Ginásio Atílio Ghisi. O empate para São Ludgero é suficiente para ser campeão. Caso Braço do Norte vença no tempo normal, a decisão será nas penalidades, sem prorrogação.

A participação das equipes conta com o apoio da Prefeitura de São Ludgero/Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, por meio da Comissão Municipal de Esportes (CME). O presidente e diretor da Comissão Municipal de Esportes (CME) de São Ludgero, José Airton Perin e Edmilson Paulo Mores, com alegria parabenizam técnicos, auxiliares e jogadores pelo foco e determinação nos primeiros jogos e acreditam que os dois elencos tem condições e habilidade em quadra, suficientes, para trazerem os títulos para São Ludgero.

Equipe do Quarentão/CME São Ludgero:

ADELMO HOBOLD

ALUÍZIO HOBOLD

ANDRÉ LUIZ MARTINS

CLAUDAIR DE OLIVEIRA

CLEIMARCIO ZABOT CARGNIN

EDERSON DIONIS HANEL

EDÉSIO MORAES

EDILSON MORAES

ÉDIO MEDEIROS

EDMILSON PAULO MORES

GILMAR PADILHA

GILSON GOUDINHO DE OLIVEIRA

IVANDRO DA SILVA

JACKSON BONETTI BIANCO

JEFERSON MATOS

JOILSON ZOMER MATTEI

JORGE LUIZ PADOIN

NATANAEL TOMAZ

ROGERIO DA SILVA MARTINS

RONDINEI STUPP JOCKEN

RUDINEI BAGGIO DEBIASI

MÁRCIO DE OLIVEIRA

WILLIAN PHILIPPI

TÉCNICO: JOSÉ CARGNIN (ZÉPI)

AUXILIAR: ADEMIR DE MELO (TATÁ)

Quem forma a equipe Adulto/SER São Ludgero:

ALEXANDRO MENDES

ALISSON BELTRAME

ANDERSON DE BETTIO MENDES

ANDRÉ LUIZ PEREIRA

DANIEL DE MELO

EVANDRO MATTEI VOLPATO

HELTON RODRIGUÊS

HIGOR BALBINO VICENTE

JOELSON DE SOUZA

KLEBER LOURENÇO FRAGA

LUCAS FERNANDO DE MORAES

LUCAS PEDROSO BECKER

MURILO SCHLICKMANN

RAFAEL ZABOT E SILVA

RAMON LOCKS

ROBERTO ROHLING

TÉCNICO: THIAGO MACHADO (DELEGA)

AUXILIAR: VALDIR JANUÁRIO DE OLIVEIRA (DODÓ)

Notícias Relacionadas

Homem que matou estuprador é condenado a 14 anos de prisão em Criciúma

O crime aconteceu em fevereiro de 2019, quando a vítima foi assassinada a tiros por Y.D.C., à época com 23 anos, no bairro Cristo Redentor, em Criciúma

São Ludgero foi sede da reunião do Colegiado de Educação da Amurel

O evento foi aberto e coordenado pelo Assessor da Amurel, responsável pela área de Educação

Governador Carlos Moisés destaca inovação catarinense durante Circuito Inova SC

O reitor do Unibave, Guilherme Valente de Souza, destacou o momento ímpar vivido pela Acafe e por cada universidade comunitária do Estado

Santa Catarina reduz a cinco meses intervalo para dose de reforço em idosos

A logística de encaminhamento de doses para os municípios tem ocorrido de forma ágil e leva em conta a estimativa populacional do IBGE