Saúde

São Ludgero vacina contra Covid-19 pessoas com 34 anos e trabalhadores da indústria com 33 anos

A Sala de Vacinas funciona na ESF Margem Esquerda, das 8h às 17 horas, sem fechar ao meio-dia.

Foto: Luka Gonzales / AFP

Nesta segunda-feira, dia 19, das 7h30min às 16h30min, pessoas de São Ludgero com 34 anos e trabalhadores da indústria com 33 anos receberão a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Além disso, será antecipada a segunda dose nas pessoas com agendamento para 11 de agosto. Acontece na Sala de Vacinas, localizada na ESF Margem Esquerda. No caso dos trabalhadores da indústria, dependerá da disponibilidade de doses em estoque.

A responsável pela Sala de Vacinas, Rosi Borba Werncke, informa que o trabalhador da indústria que se enquadra precisa residir no município e apresentar: Carteira de Trabalho (CTPS) ou contracheque/crachá e declaração da empresa com indicação da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) com sua descrição.

É importante lembrar que, durante a vacinação contra a Covid-19, as Secretarias de Assistência Social e Saúde estão realizando a campanha “Vacina contra Fome”, com o objetivo de arrecadar alimentos não perecíveis e ajudar famílias necessitadas do município. “Quem for receber a vacina, se tiver condições, pedimos que leve um quilo de alimento”, reforça Rosi.

A Sala de Vacinas funciona na ESF Margem Esquerda, das 8h às 17 horas, sem fechar ao meio-dia. Dúvidas podem ser sanadas pelo fone (48) 3657-0828.

Colaboração: Bertoldo Kirchner Weber

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Secretaria de Saúde de Criciúma reforça chamado de gestantes, puérperas e crianças para vacinação contra influenza

Agentes Comunitários de Saúde visitarão as residências para monitoramento e intensificação de informações por causa da baixa adesão à campanha nacional

STF autoriza SC a utilizar recursos do pagamento da dívida com a União no enfrentamento da Covid-19

O pedido foi protocolado pela Procuradoria-Geral do Estado de Santa Catarina (PGE) para garantir que a União deixe de aplicar qualquer tipo de penalidade ao estado em razão da suspensão dos pagamentos.

Em três meses, PGE atuou em cerca de 270 ações judiciais e emitiu 36 pareceres jurídicos sobre Covid-19

A Procuradoria-Geral do Estado (PGE) atuou de forma judicial e administrativa para dar suporte às decisões do Poder Executivo e garantir o cumprimento das determinações para conter o avanço do novo coronavírus no Estado.