Geral

Satc cria Núcleo de Mobilidade Elétrica e apresenta carro elétrico

Foto: Lucas Jorge

A Satc criou o Núcleo de Mobilidade Elétrica (NME) que irá pesquisar e desenvolver dispositivos de locomoção movidos a eletricidade. No momento, um carro, um quadriciclo e uma cadeira de rodas estão sendo montados nos laboratórios da instituição dentro das atividades do núcleo. Na manhã desta quinta-feira (21), foi apresentado o carro elétrico Inowattis.

“Estes são os projetos que o núcleo abraçou por já estarem sendo realizados aqui na Satc. Mas outros devem surgir, não importa o veículo”, informou André Abelardo Tavares, coordenador do curso de Engenharia Elétrica e do NME.

A criação do Núcleo de Mobilidade Elétrica envolve estudantes, professores e disciplinas dos cursos de Engenharia Elétrica, Computação, Mecânica, Mecatrônica e Química na parte de pesquisa e produção, os cursos técnicos de Eletrotécnica, Mecânica e Manutenção Automotiva, na produção, e Design, Publicidade e Propaganda e Jornalismo no desenvolvimento da identidade visual e divulgação dos trabalhos.

“A maioria das ciências foram compartimentalizadas, mas a construção de um veículo, obrigatoriamente, precisa da união de vários conhecimentos. E algo que a Satc está cada vez mais investindo é em metodologias ativas. Este núcleo então vem ao encontro desta nova maneira de ensinar e aprender, que é juntar vários conhecimentos para produzir algo novo. E o objetivo final deste projeto é que o acadêmico saia com um processo de aprendizagem mais eficiente”, contou o diretor da Satc, Carlos Antônio Ferreira.

Aporte próprio e parcerias

Por enquanto, o aporte de recursos para o Núcleo de Mobilidade Elétrica foi totalmente bancado pela Satc. Há, no entanto, a proposição de se buscar parceiros e financiamento externo. “A Satc está focada em estudos de energia de baixo carbono. Para o carvão, há pesquisas no CTCL. Na área de elétrica, a gente entendeu que teríamos outro caminho, porque nós temos os cursos de engenharia, e ainda pegando os cursos técnicos”, explicou o diretor-executivo da Satc, Fernando Luiz Zancan.

Hoje o projeto conta com a parceira da Itaipu e a Mobilis, startup de Florianópolis, mas há prospecção de mais apoiadores. Da Itaipu Binacional o NME ganhou dois motores elétricos e cabos para uso em veículos para servirem de pesquisa. Da Mobilis, a Satc adquirir um kit de carro elétrico educacional para começar a pesquisar e desenvolvê-lo. A plataforma educacional vem sem a carenagem.

Inowattis: o carro elétrico

O projeto do veículo elétrico da Satc chama-se Inowattis. Aproximadamente 30 pessoas entre professores e estudantes participaram de forma direta no projeto, com orçamento inicial é de R$ 60 mil. A Satc adquiriu um Ford Ka e fez a conversão para elétrico. “Há toda uma interface de eletrônica que precisa ser adaptada do motor de combustão para o elétrico”, explicou André Tavares.

A Itaipu Binacional, parceira no desenvolvimento do veículo, doou dois kits de carro elétrico (motores e fios) para mais estudos e experimentos. Como parte do desenvolvimento do veículo, os professores e acadêmicos se debruçaram sobre a conversão do sistema de tração, com dimensão e definição de componentes elétricos e mecânicos, como motor, carregador e baterias, além da montagem e acoplamentos.

Presente no lançamento do veículo, o presidente da Acic César Smielevski ressaltou o espírito de vanguarda da Satc. “As grandes montadoras do mundo seguem por esse caminho. Essa atitude da Satc é ousada porque encaminha professores e alunos para o futuro”, afirmou.

Colaboração: Assessoria de Imprensa da Satc

Notícias Relacionadas

ExpoMais é oficialmente lançada nesta segunda-feira

O evento terá palestras principais com nomes de renome nacional, além de outros espaços que estarão à disposição do público e que serão reveladas no evento de lançamento desta segunda-feira.

Ministro de Minas e Energia defende futuro sustentável para setor energético em palestra na Satc

Durante visita à Satc, ministro Bento Albuquerque conheceu projeto inédito na América Latina

Instituições de ensino da região informam sobre situação das aulas

Baja 2017 ganha forma na Satc

Projeto desenvolvido pela Engenharia Mecânica se prepara para nova disputa.