Geral

Satc recebe assessor da ONU para discutir Objetivos do Desenvolvimento

Evento é aberto ao público externo e inicia às 8h no auditório 1, da Satc

Divulgação/Satc

Entender mais sobre os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e como pode ser a atuação de cada pessoa ou empresa no processo são pontos que serão abordados pelo assessor sênior do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD Brasil), Haroldo de Oliveira Machado Filho. Ele estará na Satc na próxima quinta-feira (20).

O evento é voltado para estudantes da Satc e também é aberto à comunidade. Inicia às 8h no auditório 1 da Satc. Machado Filho tratará do tema: “17 objetivos para transformar o mundo”. Nas discussões, o assessor do PNUD trata dos pontos que integram os ODS, também chamados de objetivos globais e que foram definidos pela ONU. O evento é realizado pela Satc, com o apoio da Coordenação do Comitê Criciúma do Movimento ODS Santa Catarina. A Prefeitura Municipal de Criciúma também é apoiadora.

Nos 17 pontos constam os temas que devem ser enfrentados e melhorados. O primeiro é a erradicação da pobreza, que está no centro da Agenda 2030 da ONU. Para alcançar as metas propostas, o PNUD tem procurado intensificar as parcerias com governos, setor privado, sociedade civil e cidadãos.

“A Satc tem procurado atender ao que os objetivos determinam. Implantamos a Plataforma Satc 2030 promovendo uma revolução no conceito de ensinar e liderando esse processo de discussão sobre os ODS na nossa região”, ressaltou o diretor executivo da Satc, Fernando Luiz Zancan.

Sobre o palestrante

Haroldo de Oliveira Machado Filho é formado em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais (1993), mestrado em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília (1998) e PhD. em Direito Internacional pelo Instituto Universitário de Altos Estudos Internacionais – Univ. de Genebra (2007). Atualmente é Assessor Sênior sobre Desenvolvimento Sustentável junto ao Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento – PNUD/Brasil. É negociador da delegação brasileira nas Conferências das Partes e Reuniões dos Órgãos Subsidiários da Convenção de Mudança do Clima e do Protocolo de Quioto desde de 1998. É membro do Grupo III (Mitigação) do Painel Intergovernamental de Mudança do Clima – IPCC.

Divulgação/Satc

Notícias Relacionadas

ExpoMais é oficialmente lançada nesta segunda-feira

O evento terá palestras principais com nomes de renome nacional, além de outros espaços que estarão à disposição do público e que serão reveladas no evento de lançamento desta segunda-feira.

Ministro de Minas e Energia defende futuro sustentável para setor energético em palestra na Satc

Durante visita à Satc, ministro Bento Albuquerque conheceu projeto inédito na América Latina

Valmir Jose Bratti, de 68 anos, de Orleans, recebe alta da UTI após 30 dias internado; VEJA VÍDEO

O reencontro com sua filha Natalia foi emocionante. Em meio a lágrimas de felicidade, ele foi recebido pela equipe médica com aplausos calorosos

Painel desenvolvido com apoio da Fapesc recebe inscrições para projetos sociais e de retomada econômica em SC

Com o sistema, será possível acompanhar todo o percurso do dinheiro até o impacto social do investimento. A intenção é, além de incentivar a solidariedade, dar mais transparência às doações durante a pandemia.