Saúde

SC chega a 10 mil mortes por Covid-19, um ano após registrar primeiro óbito pela doença

Desde março de 2020, 786.197 pessoas foram diagnosticadas com coronavírus no estado. Taxa de ocupação de leitos de UTI SUS é de 96,42%.

Divulgação

Um ano depois de registrar a primeira morte por Covid-19, Santa Catarina chegou a 10 mil óbitos por complicações da doença. Desde março de 2020, 786.197 pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus no território catarinense, segundo boletim desta quinta-feira (25) do governo do estado.

Nos hospitais, a situação continua complicada, com 334 pacientes à espera de um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid.

Segundo documento da Secretaria de Estado da Saúde enviado ao Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), ao menos 233 morreram enquanto aguardavam por uma vaga de UTI Covid, entre janeiro e 18h21 de segunda (22). Conforme levantamento feito pelo G1 com sete hospitais e 13 prefeituras, pelo menos mais quatro pessoas morreram de terça (23) até esta quinta (25) esperando por leito especializado (veja mais informações abaixo).

Leitos

A taxa de ocupação na UTI do Sistema Único de Saúde é de 96,42%, contando UTI-geral e UTI-Covid. Se considerado somente os leitos de UTI para adulto com Covid, a ocupação é de 99,48%, com cinco leitos disponíveis. Mas a própria Secretaria de Estado da Saúde admite que os leitos que vagam já estão reservados a outros pacientes. Ou seja, na prática, não estão disponíveis.

Dos 1.706 leitos de UTI SUS para Santa Catarina, 1.645 estão ocupados, sendo 1.013 por pacientes com suspeita ou confirmação de Covid-19. Na quarta (24), 1.018 pessoas estavam na UTI por causa da doença. No site do governo do estado, é possível verificar a ocupação desses leitos em cada hospital.

Vacinação

Até esta quarta, 572.421 doses da vacinação contra a Covid-19 foram aplicadas em Santa Catarina, segundo a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive). Receberam a primeira dose 449.463 pessoas e 122.958 também, a segunda.

Mapa de risco

Santa Catarina segue pela quarta semana consecutiva com todas as 16 regiões de saúde em risco gravíssimo para a Covid-19, segundo a matriz divulgada pelo governo do estado no sábado (20).

Divulgação

Os dados indicam a continuidade de pico da pandemia com índices críticos e alerta máximo para a ocupação de leitos de UTI.

Com informações do site G1/SC

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Em três meses, PGE atuou em cerca de 270 ações judiciais e emitiu 36 pareceres jurídicos sobre Covid-19

A Procuradoria-Geral do Estado (PGE) atuou de forma judicial e administrativa para dar suporte às decisões do Poder Executivo e garantir o cumprimento das determinações para conter o avanço do novo coronavírus no Estado.

Clínicas e laboratórios particulares de Braço do Norte terão que informar a Prefeitura sobre exames para Covid-19 realizados

O Decreto 026/2020, assinado pelo prefeito, Beto Kuerten Marcelino, na noite deste domingo (12), visa garantir a transparência sobre os dados da doença no Município.

Santa Catarina registra dois novos casos de coronavírus e divulga plano de contingência para enfrentar a doença