Saúde

SC emite alerta aos municípios sobre variante Ômicron da Covid

Texto pede a intensificação da vacinação e do uso de máscaras

Divulgação

O avanço da variante Ômicron do coronavírus preocupa as autoridades sanitárias. Em Santa Catarina, a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive/SC) emitiu nota de alerta na terça-feira (30) pedindo a intensificação das medidas de proteção contra o vírus.

O texto orienta que os municípios organizem estratégias para agir em uma possível nova onda de casos. A intensificação da vacinação e a recomendação pelo uso de máscaras também são solicitadas pelo órgão.

Segundo a Dive, até terça, não foram identificados casos suspeitos da nova variante em Santa Catarina. Em um comunicado, o Superintendente de vigilância em saúde, Eduardo Macário, informou que pessoas que estiveram em países africanos são monitoradas.

— É importante que todos compreendam o risco que a transmissão do coronavírus causa. Felizmente, as vacinas são eficazes e protegem contra as formas graves da doença. Portanto, compareçam aos locais de vacinação, principalmente os idosos que devem completar o esquema vacinal e tomar a dose de reforço. Lembrando que apenas com o esquema vacinal concluído a imunização tem o seu efeito, e as pessoas estarão protegidas — disse Macário.

A nota de alerta reforça ainda que os municípios comuniquem imediatamente a identificação de casos suspeitos. Isso deve ocorrer já no atendimento inicial de pacientes. Outra ação é a de vigilância genômica.

Amostras coletas em pacientes com suspeita da infecção são encaminhadas para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) ou para os laboratórios parceiros de Bioinformática da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e a Fundação Ezequiel Dias (FUNED).

Nestes locais é feito o sequenciamento genômico, que confirma o tipo de variante que causou a infecção.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Saúde lança nova versão da caderneta de saúde para crianças

Novo modelo será enviado aos estados e municipios até março

Cachoeira é interditada por tempo indeterminado após queda que matou jovem em SC

Leticia Silva Budal, de 20 anos, morreu após cair aproximadamente 50 metros dentro da cachoeira

SC tem 20 vezes mais pacientes em tratamento contra Covid do que no Natal

Em 25 de dezembro, estado tinha 1.987 casos ativos contra 45.915 de sexta-feira. SC enfrenta filas nos postos de saúde e unidades fechadas por causa do afastamento de profissionais da área.

Um ano de vacinação contra Covid-19 com início da imunização de crianças

A vacinação de crianças de 5 a 11 anos é a forma que SC celebra data