Geral

SC inclui novo grupo prioritário na vacinação contra a Covid-19; confira

Mais 273 mil doses de vacinas serão distribuídas aos municípios catarinenses nesta segunda-feira (5).

Divulgação

Um novo grupo foi incorporado como prioritário para receber a vacina contra a Covid-19 em Santa Catarina: os trabalhadores industriais. Além disso, nesta segunda-feira (5), começará a distribuição de 273.710 doses de imunizantes aos municípios catarinenses. A remessa será utilizada como dose única ou primeira dose (D1).

A informação foi divulgada pela Dive/SC (Diretoria de Vigilância Epidemiológica) na noite deste domingo (4).

Conforme deliberado na reunião da CIB (Comissão de Intergestores Bipartite), para garantir a imunização contra o novo coronavírus, os trabalhadores industriais deverão apresentar a carteira de trabalho ou crachá funcional, ou ainda, o contracheque com documento de identidade.

Devem também mostrar a declaração da empresa com indicação de CNAE e de sua descrição. A lista completa de atividades da indústria contempladas no grupo prioritário também está descrita na Nota Técnica 32.

Cronograma de distribuição

Conforme a Dive/SC, o cronograma de distribuição começa logo cedo nesta segunda. A partir das 7h30, as 17 UDVEs (Unidades Descentralizadas de Vigilância Epidemiológica) do Estado já farão a retirada das doses na Rede de Frio Estadual.

AS UDVEs da Grande Florianópolis, Tubarão, Criciúma, Araranguá, Jaraguá do Sul, Joinville, Blumenau, Itajaí, Lages, Joaçaba e Videira seguem por via terrestre.

Já as UDVEs de São Miguel do Oeste, Chapecó, Xanxerê, Concórdia, Mafra e Rio do Sul vão por via aérea, com o avião do BOA (Batalhão de Operações Aéreas).

“Com essa remessa, os municípios precisam se organizar para continuar com a vacinação por faixa etária e também ampliar para os trabalhadores industriais. Do total de doses, uma cota de 30% do total deve ser encaminhada para contemplar o novo grupo. O restante, 70%, será destinado para a população em geral por faixa etária”, explica Eduardo Macário, superintende de Vigilância em Saúde de SC.

Além dessas doses destinadas como primeira dose e dose única, o governo vai encaminhar também 141 mil doses de AstraZeneca para serem utilizadas como segunda dose. O total de doses enviadas a cada município de SC está descrita na nota técnica 32.

Calendário de vacinação

Além da incorporação do novo grupo prioritário, foi aprovado ainda na reunião da CIB, realizada na quinta-feira, 1º de julho, o novo calendário de vacinação de Santa Catarina.

A previsão é que toda a população catarinense vacinável – acima dos 18 anos – receba, pelo menos, a primeira dose do imunizante até o dia 31 de agosto. Com o anúncio, o Estado antecipou em 53 dias o calendário divulgado anteriormente.

Os municípios devem seguir o calendário, iniciando pelas populações com maior idade para a menor, ou seja, quando entrar na faixa etária de 35 a 39 anos, a vacinação deve iniciar pelos de 39 anos, passando para 38, e assim sucessivamente na medida em que recebam as doses.

A vacinação segue dividida em grupos etários, chegando aos maiores de 30 anos até o final de julho e ampliando para os acima dos 18 anos até 31 de agosto. De acordo com os dados do vacinômetro, Santa Catarina aplicou até este sábado (3), 3.501.416 doses.

Lista dos grupos de vacinação:

  • Acima dos 40 anos: 1º a 8/07
  • 35 a 39 anos: 9 a 22/07
  • 30 a 34 anos: 23/07 a 5/08
  • 25 a 29 anos: 06/08 a 19/08
  • 18 a 24 anos: 20/08 a 31/08

Com informações do site ND Mais

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Clínicas e laboratórios particulares de Braço do Norte terão que informar a Prefeitura sobre exames para Covid-19 realizados

O Decreto 026/2020, assinado pelo prefeito, Beto Kuerten Marcelino, na noite deste domingo (12), visa garantir a transparência sobre os dados da doença no Município.

STF autoriza SC a utilizar recursos do pagamento da dívida com a União no enfrentamento da Covid-19

O pedido foi protocolado pela Procuradoria-Geral do Estado de Santa Catarina (PGE) para garantir que a União deixe de aplicar qualquer tipo de penalidade ao estado em razão da suspensão dos pagamentos.

Coronavírus em SC: Fapesc aprova cinco projetos de pesquisa e destina R$ 500 mil a estudos sobre Covid-19 no estado

O edital buscava estudos que apontassem soluções para o combate à epidemia e seus efeitos na sociedade e na economia.