Geral

Serviços de coleta seletiva avançam na região da Próspera

Buscando tornar os serviços de coleta seletiva acessíveis a todas as regiões de Criciúma, o Governo Municipal está intensificando a atuação na Grande Próspera. Recentemente novos bairros da região foram incluídos na rota da Fundação do Meio Ambiente de Criciúma (Famcri)..

Entre as localidades pertencentes à regional da Próspera, de acordo com a coordenadora da coleta seletiva, Júlia Schmidt, os serviços já existiam no bairro Nossa Senhora da Salete e há um mês na Próspera. Nesta semana, os bairros Brasília e Argentina também foram incluídos no itinerário. Após aumentar a abrangência na região, o próximo objetivo é fortalecer a conscientização em relação ao serviço em meio aos moradores.

Novas propostas para a região foram debatidas em reunião nesta quinta-feira (26) entre o presidente da Famcri, Gelson Fernandes, representantes dos bairros e a equipe de coordenação da coleta. Conforme Fernandes, com os novos bairros inseridos na rota, atualmente a coleta seletiva da Famcri atua em 65% do território criciumense. “Nosso objetivo é futuramente atingir 100%, mas estamos trabalhando de forma devagar, através da conscientização dos moradores. Por isso nem pode ser feito de forma rápida, é um processo gradativo”, afirma.

Para realizar este trabalho de informar a população, a equipe da Famcri atua entregando panfletos e conversando com os moradores sobre a maneira ideal de reunir os rejeitos recicláveis. “Trabalhamos muito a divulgação e da importância da separação do lixo. Na reunião foi tratado sobre todo processo de coleta seletiva em si, a instalação de lixeiras na região e a divulgação do atendimento”, explica a coordenadora do setor.

O presidente da Associação de Moradores do Bairro Próspera, Teilor Topanotti, esteve presente na reunião e afirma que projetos futuros foram debatidos para melhor atender a região. “Temos por objetivo também explicar como funciona o Ecoponto no município e fazer a divulgação desses serviços aos moradores. Também queremos implantar mais lixeiras na Próspera, ou em todas paradas de ônibus ou a cada 500 metros”, afirma Topanotti.

O presidente da Famcri ressalta a importância da valorização do projeto na região. “A Próspera é uma grande região que ainda não era atendida pela nossa equipe e esse é um passo muito importante frente a meta final. Agora, estamos fazendo a abordagem de casa em casa para conscientizar melhor a população”, afirma o presidente. A equipe da Famcri irá passar no bairro Próspera todas as quintas-feiras às 13h e no Nossa Senhora da Salete às 8h. Na terça-feira, os bairros Argentina e Brasília receberão o serviço a partir das 13h.

Colaboração: Denise Possebon/Diretoria Executiva de Comunicação

  • 7c7e90ecb60944a0137ef717ec05f65a
  • affbf08e722f465fac7c0b8595e6e751