Geral

Servidores são investigados após denúncia citar uso de veículo da prefeitura em viagem pessoal a SP

Envolvidos têm até 48 horas para prestar explicações à prefeitura de São Francisco do Sul

Foto:Divulgação

A prefeitura de São Francisco do Sul vai investigar denúncias de que que servidores da Secretaria de Esportes utilizaram um veículo oficial para viagem pessoal a São Paulo. O caso teria acontecido em fevereiro deste ano.

Por meio de nota oficial, a prefeitura disse vai averiguar as possíveis “práticas incompatíveis com os princípios da boa administração pública”. No caso, servidores da pasta e familiares são denunciados por descaracterizarem o veículo e viajarem até Aparecida (SP), sem agenda do município, já que o compromisso não era público.

Na manhã de segunda-feira (1º), o prefeito Godofredo Gomes Moreira Filho (MDB), encaminhou um pedido de informações para os servidores. Eles têm até 48 horas para se manifestarem.

Ainda na nota, a prefeitura diz que “reitera seu compromisso com a transparência e a idoneidade, e ressalta que não compactua com abusos e atos que estejam em desacordo com os compromissos assumidos pela gestão municipal diante da população”.

Em março de 2023, o perfil da secretaria de Esportes chegou a publicar nas redes sociais a entrega do veículo. Na legenda, se cita que “foi entregue uma Mercedes-Benz Sprinter de 21 lugares, para a secretaria, a fim de melhorar os serviços ofertados à população, transportando especialmente atletas em competições dentro e fora da cidade”. Esse mesmo veículo teria sido o utilizado na viagem pessoal do grupo a São Paulo.

Veja a nota completa da prefeitura de São Francisco do Sul

“Nota à imprensa: abertura de apuração interna

A Prefeitura de São Francisco do Sul informa que, a partir das informações publicadas em veículo de comunicação da cidade, o prefeito Godofredo Gomes Moreira Filho abrirá uma apuração interna sobre a conduta dos servidores públicos vinculados a Secretaria de Esportes do município.

A investigação se deu após o conhecimento por parte do Executivo Municipal de possíveis práticas incompatíveis com os princípios da boa administração pública, como o uso indevido de equipamentos públicos. Na manhã desta segunda-feira (1º), o chefe do Executivo encaminhou um pedido de informações para os envolvidos concedendo prazo de 48 horas para manifestações.

O município reitera seu compromisso com a transparência e a idoneidade, e ressalta que não compactua com abusos e atos que estejam em desacordo com os compromissos assumidos pela gestão municipal diante da população.

A Prefeitura Municipal se coloca à disposição para prestar esclarecimentos aos munícipes e a imprensa sobre o caso. Demais informações sobre o andamento da apuração interna serão divulgadas oportunamente”.

Com informações do NSC Total

Notícias Relacionadas

Chuva intensa em SC: Defesa Civil alerta para risco de alagamentos nos próximos 5 dias

A previsão de chuva forte e persistente nos próximos dias afeta principalmente as áreas litorâneas de Santa Catarina

Corredor Ecológico da Serra Geral pode afetar prática agrícola na região

Alerta foi feito pelo advogado e geógrafo Eduardo Bastos Moreira Lima.

Integrantes de organização criminosa são presos por mutilar brutalmente os dedos de uma mulher em Tubarão

A agressão, que foi filmada pelos criminosos, foi motivada por dívida de drogas.

Corpo de Bombeiros de Lauro Müller combate incêndio em caminhão

Havia outros caminhões próximos e, felizmente, colaboradores da empresa conseguiram controlar as chamas até a chegada dos profissionais