Poderes Municipais

Setor de transporte de Tubarão vai investir R$ 18 mi em parque empresarial

O investimento será na ordem de R$ 15 milhões, sem nenhuma contrapartida ou utilização de recursos do governo municipal.

Divulgação

Deve ser assinada amanhã a escritura para a cessão definitiva de uma área de terras no bairro São João margem esquerda, onde será instalado um parque empresarial, para que em aproximadamente um ano já esteja em funcionamento a unidade do Serviço Social do Transporte (Sest) e do Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Senat). O investimento será na ordem de R$ 15 milhões, sem nenhuma contrapartida ou utilização de recursos do governo municipal.

Também será construída no local a sede do Setram (Sindicato das Empresas de Logística e Transportes de Cargas da Região da Amurel), presidido pelo empresário Riberto Lima, em um investimento de aproximadamente R$ 3 milhões, totalizando assim R$ 18 milhões de investimentos do setor de transporte.

A cessão da área foi aprovada há um ano na Câmara de Vereadores e, tão logo seja repassada a escritura da área, será dado início imediato às obras, que devem ser concluídas em dez meses, segundo Riberto.

Após sua inauguração, serão gerados em torno de 80 empregos diretos – todos por processo seletivo. “O Sest/Senat segue os mesmos moldes do Sesc – do comércio – e do Senai – da indústria -, só que será ligado ao setor de transportes”, explica.

Com a conclusão da obra, serão instaladas quatro cadeiras odontológicas, que poderão atender a aproximadamente 1,2 mil pessoas por mês. Além disso, segundo Riberto, haverá atendimento com dois fisioterapeutas e dois nutricionistas, com capacidade de atendimento de até 475 pessoas/mês em cada especialidade. “Também terá psicóloga que tem foco no tratamento de dependência em álcool e drogas, que poderá fazer até 147 atendimentos mês. Ainda haverá quatro instrutores e demais funcionários”, pontua.

Pelo projeto, são ainda quatro salas de aulas, sendo três tradicionais e “uma que atende ao simulador de direção de última geração com realidade virtual de alcoolemia e cansaço”, especifica. Será ainda fornecido ensino fundamental e médio, além de Menor Aprendiz com encaminhamento para o mercado.

“Estamos há mais de 15 anos pleiteando esta obra e só agora, finalmente, conseguimos. Os recursos já estão garantidos, é só dar início às obras e colocar pra funcionar”, comemora Riberto.

Parque empresarial terá 70 mil metros quadrados

O parque empresarial localizado no bairro São João margem esquerda terá área total de 70 mil metros quadrados. Segundo o secretário de Urbanismo, Mobilidade e Planejamento, Nilton de Campos, a prefeitura entrou com a cessão do terreno e com os projetos urbanísticos e de infraestrutura no local. “Este parque trará um grande desenvolvimento para o município, com instalação de muitas empresas – iniciando pelo Sest/Senat e Setram, por exemplo, e com uma grande geração de empregos. Isso tudo sem custos para a prefeitura”, pontua. São 25 lotes, sendo 23 (aproximadamente 47 mil metros quadrados) para empresas – Sest/Senat ocuparão quatro lotes, num total de sete mil metros quadrados. O Setram ocupará um lote de 2,1 mil metros quadrados. Dois lotes com o total de 10,42 mil metros quadrados serão destinados às áreas verde e institucional. “Trabalhamos com afinco para que este projeto pudesse se tornar realidade. Será realmente um grande marco para nossa cidade, com a geração de emprego, renda e muito desenvolvimento”, conclui Nilton.

Com informações do Jornal Diário do Sul 

Notícias Relacionadas

Com investimento de R$ 3,9 milhões, Estado entrega unidades de assistência social em Armazém, Rio do Oeste, Lontras e Florianópolis

Cada uma das unidades conta com sala de atendimento familiar, administração, recepção, cozinha, banheiro, área de serviço, sala multiuso, área externa coberta e mobília.

Com aperfeiçoamento constante, Associação de Apicultores de Orleans é destaque em Santa Catarina

Governo do Estado lança edital para investimento de R$ 4 milhões em pesquisa em Santa Catarina

Podem participar da chamada professores e pesquisadores com doutorado e que tenham vínculo com instituições de ensino e pesquisa públicas, comunitárias e privadas sem fins lucrativos.

Assinada ordem de serviço para ampliação do CEI Mundo Encantado em Braço do Norte

O valor é de aproximadamente R$ 300 mil e os recursos são próprios da Prefeitura de Braço do Norte.