Geral

Sicredi explica como funciona Tag para pagamento automático em pedágios

Solução é uma evolução do portfólio de produtos e serviços da instituição

Divulgação

Com o início da cobrança nas novas praças de pedágio localizadas na BR 101, trecho sul catarinense, o Sicredi, Instituição Financeira Cooperativa, reforça a existência de uma solução que pode representar praticidade para os motoristas: a Tag de Passagem.

O produto é um adesivo com chip que é colado no automóvel. “Com ele, o usuário tem a conveniência de passar pelas cancelas de cobrança tendo o valor debitado direto da sua conta corrente. Isso evita filas e traz mais segurança”, explica Marcelo Esbegen Marcos, responsável pelos meios de pagamento do time de desenvolvimento de negócios da Sicredi Sul SC.

A Tag de Passagem do Sicredi é oferecida por meio de uma parceria com a empresa Green Pass, proprietária da marca Taggy e que possui acessos em pontos de pedágio de 298 municípios, em sua maioria localizados nas regiões Sul, Sudeste e Centro-oeste do país. “Oferecer mais conveniência aos nossos associados é uma das premissas da nossa atuação regional e nacional”, sintetiza Karine Colombo Crocetta, gerente regional de desenvolvimento de negócios da Sicredi Sul SC.

Para ter acesso à solução, é preciso ser associado pessoa física e ela poderá ser usada somente em carros de passeio com dois eixos. Os interessados em adquirir a Tag de Passagem podem solicitá-la nas agências do Sicredi. Após a ativação e uso, as transações poderão ser conferidas de maneira simples pelo aplicativo da Instituição.

Notícias Relacionadas

Pesquisa aponta aumento de casos de covid em 1.217 cidades esta semana

O número corresponde a 33,9% das 3.591 prefeituras ouvidas

Governo de SC vai prorrogar estado de calamidade pública até 30 de setembro

Com a medida, o Estado fica desobrigado de cumprir algumas metas fiscais, o que facilita o combate ao vírus

Santa Catarina avança na certificação de propriedades livres de brucelose e tuberculose

A intenção da Secretaria da Agricultura é ampliar o número de certificações, para que esse seja mais um diferencial competitivo do agronegócio catarinense

Governo do Estado abre licitação para elaboração de estudo para criação de rodovia alternativa à BR-101 Norte

A empresa que for selecionada na licitação terá seis meses para executar um estudo identificando onde poderá passar essa nova rodovia