Turismo

Siderópolis almeja se tornar destaque turístico na região

O projeto do Departamento de Cultura e Turismo do município visa relacionar todos os aparelhos turísticos e integrá-los em um serviço de divulgação que reunirá as opções turísticas da cidade.

Divulgação

Conhecido por ter em seu território a Barragem do Rio São Bento e belas trilhas ecológicas, Siderópolis a partir de 2021 almeja se tornar um dos municípios de referência na região se tratando de turismo religioso, esportivo, ecológico, gastronômico e de hospedagem.

O projeto do Departamento de Cultura e Turismo do município visa relacionar todos os aparelhos turísticos e integrá-los em um serviço de divulgação que reunirá as opções turísticas da cidade. Conforme o Responsável pelo Departamento de Cultura e Turismo, Thiago Freitas, a ideia é criar diversas atividades voltadas para cada um dos segmentos turísticos. “Na área do esporte será desenvolvido um calendário de eventos envolvendo corrida de rua, ciclismo e torneios de futebol. A hotelaria, a gastronomia e o ecoturismo, vão caminhar juntos de acordo com a rota turística que será difundida”, detalha.

Além dessas quatro linhas de trabalho, o departamento já está articulando com parlamentares da região para viabilizar a reativação do projeto que visa transformar o antigo escritório da CSN em um museu do carvão, o qual irá fazer um resgate da história de Siderópolis e que será sede da casa da cultura do município . “A cidade é pequena, precisamos vender as belezas e a cultura para poder melhor explorar esse recurso”, explica Freitas.

Entre as ações de divulgação da cidade está a realização de um vídeo de apresentação do turismo do município que deve levar o nome de Siderópolis aos serviços do segmento turístico do Estado.

Notícias Relacionadas

Polícia Civil de SC realiza operação de combate à violência contra mulher em conjunto com Ministério da Justiça

Nesta segunda-feira (8), serão realizadas fiscalizações de medidas protetivas pelo Estado com as vítimas

Hemosc reforça necessidade da doação para repor estoques de sangue

Nesta semana, estão em situação de nível reduzido o tipo sanguíneo O+, e, em nível de alerta, o que é bastante preocupante, os tipos O- e A+. Os estoques reduziram em torno de 50%

Mulheres recebem 62% das bolsas da Fapesc para pesquisa

Com essas bolsas, as estudantes não precisam trabalhar e conseguem se dedicar exclusivamente à pesquisa. Assim melhoram a qualidade dos trabalhos e avançam mais rapidamente na carreira acadêmica

Governo do Estado pactua 546 novos leitos clínicos e 313 leitos de UTI

Santa Catarina tinha 546 leitos de UTI adulto dedicados ao coronavírus no início da pandemia - número que já foi praticamente triplicado neste período de enfrentamento à doença