Saúde

Siderópolis entrega material educativo sobre dengue para escolas

O objetivo é a conscientização da população local para a erradicação do mosquito e das doenças transmitidas por ele.

Foto: Divulgação

Os estudantes das escolas municipais de Siderópolis receberam materiais educativos sobre eliminação dos possíveis criadouros do mosquito Aedes Aegypti, responsável pela transmissão de doenças como dengue, zika e chikungunya.

Os materiais foram entregues pelo prefeito, Hélio Cesa, o Alemão, e o objetivo é a conscientização da população local para a erradicação do mosquito e das doenças transmitidas por ele.

“O Processo de conscientização que parte das crianças tende a ser sucesso. Além de incutirmos a ideia desde o início nos pequenos, ainda contamos com a disseminação da informação, pois eles levam aos pais, aos parentes e também aos amigos”, destacou o prefeito.

Além do prefeito, participaram da entrega do material educativo, o vice-prefeito, Xande Feltrin; a secretária de saúde, Gláucia Cesa Périco; a responsável pelo programa da dengue em Siderópolis; Jaqueline Elias e a coordenadora da Vigilância Sanitária de Siderópolis, Jesieny Bonassa.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Siderópolis

Notícias Relacionadas

Secretaria de Estado da Educação assina acordo de compartilhamento de dados públicos com o TCE-SC

As assinaturas foram colhidas na abertura do Fórum TCE Educação, em Florianópolis. O evento recebeu cerca de 500 gestores públicos ligados à área de educação

UniCesumar: melhor EAD do Brasil oferece cursos com desconto por tempo limitado em Orleans

São mais de 50 opções em cursos de graduação e pós-graduação, todos aprovados pelo MEC. Entre os mais procurados estão pedagogia, agronegócio e contabilidade.

Ação educativa visa orientar alunos sobre o Aedes Aegypti no Centro de Zoonoses em Criciúma

Atividade inicia nesta terça-feira (22) com alunos do 4° e 6º ano da rede municipal de ensino

Treviso realiza ação de combate ao Aedes Aegypti

Agentes fizeram pente fino em locais estratégicos e informaram a população sobre maneiras de se evitar a proliferação do mosquito.