Geral

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Vale do Araranguá comemora 15 anos de atuação

A noite dessa terça-feira (16) foi especial para o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Vale do Araranguá, Sinservale. Mesmo com intenso frio, onde os termômetros marcavam dez graus, cerca de cem associados se reuniram para comemorar os 15 anos de atuação do Sinservale. O evento aconteceu no Parque das Águas, em Sombrio.

A solenidade contou com a presença do presidente da Nova Central Sindical do Estado, Altamiro Perdoná, presidente da Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado (Fetramesc), David Vince, representante da Federação dos Trabalhadores na Construção e do Mobiliário, Carlos Alberto Baldisera, e secretário Regional da Nova Central Sindical, Walmiro da Rosa Miranda.

Na ocasião, foram homenageados com uma placa os ex-presidentes do Sinservale, Maria Magnus Bratti, fundadora presidente da entidade durante o ano de 1998, e Edevar Longaretti, presidente de 1999 à 2003. Também foram homenageados os presidentes do Sinservale, Fetramesc e Nova Central. Os convidados receberam de brinde uma caneca de cerâmica com a logo comemorativa da entidade.

Para o presidente do Sinservale, foi um momento muito importante para a categoria e representa um marco histórico. “Participei desde a fundação do Sindicato, e desde lá atrás a nossa bandeira é lutar pelas causas dos servidores, lhes assegurando o reconhecimento e aprimoramento profissional e, salários compatíveis com cada categoria. As causas são inúmeras e a luta é contínua, mas tenho a certeza que com a união dos servidores vamos conquistas tudo o que lhes é de direito. Quinze anos representa a nossa força e a nossa importância de dar suporte à categoria”, destacou Pagnan.

O presidente da Fetramesc enfatizou as principais lutas da Federação no serviço público. “A Federação está cada vez mais comprometida com o serviço público, no sentido de dar todo apoio necessário à busca de suas causas. O funcionalismo tem passado por uma grande crise mundial, onde recentemente em Genebra, na Convenção Mundial da OIT 151, pudemos debater sobre o assunto. Estamos na batalha para garantir um piso mínimo estadual para cada categoria”, falou Vince.

A ideia de representar os servidores públicos já havia sido discutida há muito tempo pela categoria, mas foi em 16 de julho de 1998 que efetivamente aconteceu, nas dependências do município de Meleiro. A partir de então, os direitos dos servidores passaram a ser uma bandeira incontestável. O Sinservale atua nos 13 municípios da Amesc: Baln. Arroio do Silva, Meleiro, Maracajá, Ermo, Turvo, São João do Sul, Santa Rosa do Sul, Morro Grande, Sombrio, Baln. Gaivota, Passo de Torres, Timbé do Sul e Praia Grande.

Colaboração: Karoline Nazário 

  • 3358c5c335a59d068737fb2dd10bf516
  • p17vnet7ec10cvndfiuo146f1e753
  • p17vnet7ec1o7d1qrg1cie1js4cei4