Poder Legislativo

Solicitações e esclarecimentos marcam sessão da Câmara de Vereadores de Orleans

Imagem da 3ª sessão da Câmara de Vereadores de Orleans

Foto: Ketully Beltrame / Arquivo / Sul in Foco

A sessão ordinária desta semana, da Câmara de Vereadores de Orleans, foi realizada nesta quinta-feira (2). Ao total, seis votações entraram em pauta na Ordem do Dia. Em todos os casos, a aprovação foi por unanimidade.

Além disso, oito vereadores utilizaram a tribuna livre para pronunciamentos. O primeiro foi o vereador Udir Luiz Pavei (PSD), o Dija, que fez solicitações ao Poder Executivo. Entre elas, no que diz respeito à iluminação pública e da limpeza da cidade.

Em seguida, Antônio Dias André (PMDB), o Geada, aproveitou a oportunidade para responder questionamentos dos demais vereadores. Geada falou também sobre a ponte da margem direita, cujo projeto já está concluído. Ele enalteceu, ainda, a atitude do prefeito, que respondeu às indicações já feitas pelos legisladores nesta gestão.

Mirele Cruz Debiasi Perico (PSDB) falou sobre o início, em Orleans, dos trabalhos da Rede Feminina de Combate ao Câncer, que conta com 30 voluntários, uma enfermeira e uma técnica em enfermagem.

Ela informou que, dos R$ 12 mil que deveriam ser repassados à rede no último ano, foram honrados apenas R$ 4 mil. Por outro lado, enalteceu o repasse da Câmara de Vereadores pela indicação de repasse no valor de R$ 5 mil. Além disso, questionou sobre o a razão de não ter sido efetuado o repasse dos R$ 8 mil restantes.

Também em seu pronunciamento, ela pediu a paciência da população e também da oposição, reforçando que é importante que se exerça um trabalho no qual prevaleça a união. “Orleans vai ganhar se, ao invés de dois puxando para um lado, três para outro, contarem com os 11 vereadores trabalhando por Orleans. É isso que a população espera de nós”, defendeu.

Valentim Bardini Sobrinho (PMDB) pediu providências na Rua Antonio da Silva Cascaes, na área central de Orleans, onde um tubo da rede pluvial se rompeu. Além disso, solicitou um abrigo de ônibus próximo ao portão da Escola de Educação Básica Samuel Sandrini.

Paulo Canever (PSD) também reforçou a necessidade de manutenção da iluminação pública e da limpeza da cidade e, além disso, solicitou atenção às áreas da saúde e educação, especialmente no que diz respeito a médicos e medicamentos no SUS e ao transporte escolar.

Hildegart Thessmann Durigon (PSDB) falou sobre a visita do deputado federal Marco Tebaldi a Orleans, que sinalizou recurso para a área da Saúde. “Não sabemos ainda ao certo quando e que volume virá, mas ele sinalizou uma emenda parlamentar para que o Município seja agraciado com recursos”. O vereador destacou também a importância de se unir para resolver o problema do trecho inacabado da Rodovia Serramar, em Pedras Grandes.

Pedro João Orben (PMDB) discorreu sobre os resultados obtidos durante visitas realizadas em viagem a Florianópolis. O presidente da Casa Legislativa, Lucas Librelato (PSDB), foi quem finalizou esta parte da sessão. Durante pronunciamento, ele mencionou a visita do deputado federal Marco Tebaldi (PSDB). O presidente contou que aproveitou a vinda dele para solicitar recursos para a pavimentação da Rua Francisco Pedro Cardoso, uma das mais importantes do loteamento Nova Orleans, objetivando proporcionar mais qualidade de vida para os moradores do local.

Ordem do Dia

Projeto de Lei Complementar nº 1, de 9 de fevereiro de 2017, de autoria do Poder Executivo:

Cria vagas e autoriza a contratação de servidores para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público e dá outras providências.

Projeto de Lei nº 7/2017, de autoria do Poder Executivo:

Anula dotação orçamentária e abre crédito suplementar para que o Poder Executivo possa firmar convênios com entidades culturais privadas sem fins lucrativos, visando a manutenção das atividades socioculturais de Orleans.

Moção de Apoio nº 1/2017, de autoria de todos os vereadores:

Em defesa da previdência social rural e favorável à manutenção das atuais regras de acesso dos trabalhadores e trabalhadoras rurais aos benefícios previdenciários e assistenciais.

Indicação nº 10/2017, de autoria de Lucas Librelato:

Que o executivo altere a lei nº 2185, que cria o Conselho da Cidade de Orleans, e dá outras providencias, objetivando acrescentar ao artigo 4º, um representante da OAB – Subseção de Orleans e aumente para quatro representantes eleitos pelos engenheiros e arquitetos, sendo: um engenheiro civil, um engenheiro agrimensor, um engenheiro agrônomo e um arquiteto.

Indicação nº 11/2017, de autoria de Lucas Librelato:

Que o Legislativo encaminhe ofício à Agencia de Correios de Orleans, solicitando as seguintes informações: quais os Bairros da cidade e comunidades do interior são atendidos pelos serviços de entrega de correspondências e quais as possibilidades para a expansão dos serviços para demais bairros que atualmente não são atendidos.

Indicação nº 12/2017, de autoria de Rodinei Pereira:

Que o Executivo construa um abrigo de ônibus na Rua Pedro Francisco Cardoso, entre o Mercado Nova Orleans e a empresa Righison.

Notícias Relacionadas

Governador encaminha projeto de lei que institui data para homenagear bombeiros militares veteranos

A escolha da data comemorativa faz referência ao aniversário do coronel BM Milton Antônio Lazzaris, comandante-geral de honra da corporação, para representar todos os bombeiros militares.

Presidentes das ACIs do Extremo Sul se reúnem para Plenária da Facisc, em Orleans

Projeto de lei em SC proíbe venda de empréstimos a idosos por telefone e internet

Objetivo do autor da proposta, delegado Ulisses Gabriel (PSD), é evitar golpes contra aposentados

Projeto de lei prevê multa pesada a proprietários de terrenos baldios em Tubarão