Política

“Sua administração foi reprovada pela população nas urnas, teve até o Gaeco”, dispara vereador em Lauro Müller

O clima esquentou na sessão desta segunda-feira (22) da Câmara de vereadores de Lauro Müller. O vereador líder do governo na câmara, Anderson Antonio Bez Batti (PP), se revoltou durante a manifestação do vereador Hélio Luiz Bunn (MDB), que é líder da bancada na Casa Legislativa.

Hélio Bunn criticava uma notícia veiculada na imprensa regional, inclusive no Portal Sul in Foco, que informava que o município de Lauro Müller está completamente em dia no CAUC – Cadastro Único de Convênios, uma espécie de “Serasa das Prefeituras, após quase uma década de constantes ocilacões, fato que coloca Lauro Müller atualmente entre os apenas 2% dos municípios de todo país com suas obrigações em dia, conforme a Confederação Nacional dos Municípios – CNM.

Bunn, que é ex-prefeito do município, citou convênios que fez durante seu mandato (2009-2012) com o Governo Federal e disse que a notícia foi apenas promoção e que se trata de inverdade. “Em dez anos nunca deixamos de receber convênios. Se o município tinha problema eu nunca fui cobrado de nada”, disse Hélio.

Revoltado com as colocações do vereador e ex-prefeito, o líder do Governo pediu a parte e disparou: “Vereador você está contra o município de Lauro Müller. Você foi para uma reeleição e sofreu a maior derrota para o seu oponente. Que a administração você fez? A população de Lauro Müller reprovou a sua administração, nas urnas disseram não a sua administração e agora você vem se vangloriar? Gaeco na sua administração. O senhor não tem vergonha de vir aqui e ainda falar isso para a população? Vereador vamos colocar os pés no chão e ser um lauromüllense de coração. Olha as urnas, o que elas urnas disseram para o senhor”, disparou Bez Batti.

Surpreso com as colocações do vereador progressista, Hélio Bunn, em tom de ameaça, tentou rebater: “Só quero fazer uma advertência, a administração de vocês ainda não terminou. Você sabe o que esta sendo feito. Aguarde”, disse Hélio.

Relembre os casos citados pelos vereadores

Novembro de 2012:

Esquema fraudulento na prefeitura de Lauro Müller é investigado. Três pessoas foram presas, inclusive o diretor de compras do município, mas Ministério Público investiga outros envolvimentos.

Abril de 2019: Lauro Müller está entre os poucos municípios do Brasil com nome limpo junto ao Governo Federal

Notícias Relacionadas

Vereadores aprovam quase R$ 700 mil em emendas impositivas, em Cocal do Sul

Parte dos recursos será direcionado para entidades e associações indicadas pelos vereadores. Previsão é que o dinheiro seja liberado no próximo ano, já que estão inclusas no orçamento.

Empresário e prefeito Valdir Fontanella recebe a mais alta honraria do Poder Legislativo Catarinense

O espírito empreendedor fez Valdir Fontanella, de origem humilde, tornar-se um dos maiores empresários de transportes do Brasil.

Câmara aprova crédito para compra de máquina de ultrassom

O projeto de lei para abertura de Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 150 mil para a Secretaria Municipal de Saúde.

Câmara aprova fim do auxílio financeiro para servidores cursarem o ensino superior em São Ludgero

Medida visa garantir equilíbrio econômico no município.