Saúde

Surto de gripe e Covid faz hospital de Florianópolis bater número histórico de pacientes

Baía Sul teve mais de 600 pacientes procurando atendimento em um único dia; outras regiões também têm alta de casos

Divulgação

O surto de gripe e Covid registrado no país nas últimas semanas fez um hospital de Florianópolis registrar o maior número de pacientes da história. O Baía Sul, estabelecimento particular da Capital, registrou 659 pacientes atendidos nessa segunda-feira (3), sendo 507 deles com sintomas respiratórios.

O hospital informou em nota que os casos de gripe e Covid-19 foram a absoluta maioria dos diagnósticos dos pacientes. Apenas um quadro suspeito necessitou de internação — o paciente segue em avaliação.

A unidade criou uma “Operação Verão” no pronto-atendimento, prevendo aumento de procura de pacientes neste período. Houve aumento na equipe médica e enfermagem de até quatro vezes para evitar um longo tempo de espera.

O aumento da procura por atendimento e de pacientes com sintomas respiratórios tem sido registrado também em unidades da rede pública de saúde. Um exemplo é a unidade de pronto-atendimento do Norte da Ilha, que nesta época do ano tem grande aumento de população por conta dos turistas.

Em entrevista ao Jornal do Almoço, da NSC TV, o secretário municipal de Saúde de Florianópolis, Carlos Alberto Justo da Silva, comentou que a cidade aumentou o número de pessoas atuando nas UPAs e em centros de testagem, e que também pode ter novas medidas para ampliar o atendimento.

— O mais importante disso é as pessoas evitarem se contaminar, continuarem suando máscaras e tomando os cuidados, para que a gente evite esses novos casos — afirmou.

Aumento de casos também em BC, Joinville e Blumenau

Os casos de gripe e Covid-19 também causaram alta procura por atendimento em Balneário Camboriú. Como mostrou a colunista da NSC, Dagmara Spautz, as síndromes respiratórias tiveram uma “explosão” após o Réveillon.

Em Joinville, um hospital infantil também registrou aumento de procura por atendimentos com sintomas respiratórios.

O aumento de casos também surte efeitos em Blumenau. A cidade registrou mais de 100 casos de Covid-19 em um único dia pela primeira vez desde agosto. O número de casos ativos no município também está em alta, passando de 300, o que não ocorria desde o início de novembro. A situação exigiu até mesmo mudanças na organização da Sommerfest, evento previsto para janeiro e que teve shows nacionais cancelados.

SC atualmente tem 54 casos confirmados da variante Ômicron do coronavírus, e outros 178 aguardando resultado.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Ex-prefeito de Criciúma é preso após perseguição policial

Márcio Burigo, posteriormente identificado, desobedeceu a ordem legal dos policiais e se evadiu por cerca de dois quilômetros

Filezão: diversos celulares são furtados durante o evento; organizador é notificado por conta da aglomeração

O evento reuniu milhares de pessoas.

Rayssa Leal e Lucas Rabelo são os campeões da etapa de Criciúma do STU National

Maranhense e cearense largam na frente no circuito brasileiro 2022, iniciando o ano como terminaram 2021: com título

Três mulheres ficam feridas em acidente no centro de Cocal do Sul

O acidente aconteceu na rua Edson Gaidzinski