Geral

Teatro Usina: Espaço cultural em Imbituba já tem data para a reabertura

No próximo sábado (27), a partir das 20 horas, artistas locais subirão ao palco para a reativação do Teatro Usina.

Divulgação

O prédio da antiga Usina Termelétrica de Imbituba, que, até o início do ano passado, era utilizado como teatro e atraía os moradores da região para os eventos culturais, já tem data para ser reaberto. No próximo sábado (27), a partir das 20 horas, artistas locais subirão ao palco para a reativação do Teatro Usina.

A intenção da Diretoria de Cultura é reabrir o espaço e criar uma rotina de apresentações no local. “O Teatro Usina é o lar dos artistas, a nossa fabrica de sonhos e onde conseguimos transformar vidas por meio da arte”, disse a Diretora de Cultura, Alessandra Santos.

Para a reabertura do espaço, subirão ao palco, a Companhia Desmontagem Cênica, que é parceria da Diretoria de Cultura na reativação do Teatro Usina, o violinista Ivan Cunha, o grupo folclórico cultural Imbé, o grupo Dança Comigo (mirim e juvenil) e a musicista Helena Dalbosto.

Para os interessados em acompanhar a reabertura do Teatro Usina, a diretora, Alessandra Santos, comunica que serão disponibilizados, gratuitamente, 80 ingressos. Esta é a capacidade total do espaço. As entradas deverão ser retiradas na sede da Diretoria de Cultura, no Paço Municipal.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Imbituba 

Notícias Relacionadas

Após intervenção do Ministério Público, Criciúma ganha espaço cultural

MPSC e MPF foram à Justiça para garantir a restauração do prédio construído em 1945 a fim de abrigar órgão federal.

Teatro Usina já tem data para reabrir as portas

No próximo sábado (27), a partir das 20 horas, artistas locais subirão ao palco para a reativação do Teatro Usina.

Projeto desenvolvido em Treviso é exposto no maior congresso brasileiro de ecoturismo

Na ocasião, Cadallóra apresentou o projeto de observação de aves, Quem Ama Deixa Voar, que nasceu e é desenvolvido em Treviso com alunos das escolas municipais.

Cegero investe R$ 200 mil em rede compacta industrial para o Rio Pinheiros

Serão 7.500 metros de cabo protegido 15kV utilizados em uma extensão aproximada de 2,5 quilômetros.