Geral

Teatro Usina: Espaço cultural em Imbituba já tem data para a reabertura

No próximo sábado (27), a partir das 20 horas, artistas locais subirão ao palco para a reativação do Teatro Usina.

Divulgação

O prédio da antiga Usina Termelétrica de Imbituba, que, até o início do ano passado, era utilizado como teatro e atraía os moradores da região para os eventos culturais, já tem data para ser reaberto. No próximo sábado (27), a partir das 20 horas, artistas locais subirão ao palco para a reativação do Teatro Usina.

A intenção da Diretoria de Cultura é reabrir o espaço e criar uma rotina de apresentações no local. “O Teatro Usina é o lar dos artistas, a nossa fabrica de sonhos e onde conseguimos transformar vidas por meio da arte”, disse a Diretora de Cultura, Alessandra Santos.

Para a reabertura do espaço, subirão ao palco, a Companhia Desmontagem Cênica, que é parceria da Diretoria de Cultura na reativação do Teatro Usina, o violinista Ivan Cunha, o grupo folclórico cultural Imbé, o grupo Dança Comigo (mirim e juvenil) e a musicista Helena Dalbosto.

Para os interessados em acompanhar a reabertura do Teatro Usina, a diretora, Alessandra Santos, comunica que serão disponibilizados, gratuitamente, 80 ingressos. Esta é a capacidade total do espaço. As entradas deverão ser retiradas na sede da Diretoria de Cultura, no Paço Municipal.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Imbituba 

Notícias Relacionadas

Exposição jardim-interno marca reabertura dos espaços culturais da Fundação Cultural de Criciúma

Temporada 2020 da FCC inicia com a reabertura de seis locais culturais do município

Após intervenção do Ministério Público, Criciúma ganha espaço cultural

MPSC e MPF foram à Justiça para garantir a restauração do prédio construído em 1945 a fim de abrigar órgão federal.

Reabertura da Ponte Hercílio Luz atrai 50 mil pessoas

Monumento mais emblemático de Santa Catarina está novamente acessível para cidadãos e visitantes, após 28 anos de interdição total.

Após reabertura do comércio, casos de coronavírus triplicam em Santa Catarina

Estudo feito por pesquisadores de quatro universidades aponta que aumento pode estar fora de controle. Estado passou de 826 infectados para 2,7 mil em três semanas.