Geral

Transporte escolar da rede municipal terá cadeirinha para crianças de sete anos em Braço do Norte

Além de realizar o cumprimento de diversas exigências do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Foto: Divulgação

A segurança das crianças que utilizam o transporte público da rede municipal de ensino de Braço do Norte está garantida. O município mais uma vez inovou e é pioneiro na região na instalação de cadeirinhas para crianças de até sete anos. Além de realizar o cumprimento de diversas exigências do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

A medida, sugerida pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) através de um Termo de Ajuste de Conduta (TAC), tem por objetivo garantir a segurança dos alunos que são transportados diariamente. “Entendemos como uma medida necessária, que dará maior tranquilidade aos pais e, também, à administração. Sabemos da nossa responsabilidade ao transportar vidas e esta é uma forma de garantir a segurança das crianças”, avaliou a secretária de Educação, Claudinéia Niehues.

Além da instalação das cadeirinhas, todos os veículos utilizados no transporte público de estudantes passarão, semestralmente, por vistoria para a verificação de todos os itens de segurança obrigatórios listados no Código Nacional de Trânsito.

Claudinéia lembra ainda que outras exigências do Contran deverão ser respeitadas, como em relação aos motoristas, que devem ter idade superior a 21 anos, possuir carteira de habilitação de categoria D; não ter cometido nenhuma infração grave ou gravíssima, ou ser reincidente em infrações médias durante os 12 últimos meses; e ter sido aprovados em curso especializado para a atividade.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Braço do Norte

Notícias Relacionadas

São Joaquim suspende aulas nesta sexta-feira (5) na rede municipal por causa do frio intenso

A orientação foi da Defesa Civil, por causa das baixas temperaturas durante o dia

Novo ônibus escolar chega no início de 2018 a Treviso

Prefeito Jaimir Comin confirmou a vinda do veículo em sua viagem a Brasília.

Professor da rede municipal de Içara lança livro na Bienal do Rio de Janeiro

Henrique Ferresi lançou “A Diferença que Ilumina” no início desta semana

Professora da rede municipal de Lauro Müller recorre ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina

A professora foi condenada e perdeu o cargo público