Segurança

Ulisses Gabriel questiona rejeição na Alesc de Projeto de Lei que visa emissão de antecedentes policiais

Projeto de Lei de autoria do delegado determinava ao Estado o fornecimento de certidão de antecedentes policiais pela internet.

Deputado Delegado Ulisses Gabriel – Foto: Alesc

O Projeto de Lei nº 110.6/2020, de autoria do delegado Ulisses Gabriel, que dispõe sobre a emissão digital do atestado de antecedentes policiais, no âmbito do Estado de Santa Catarina, foi rejeitado pela Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc). Nesta quinta-feira, dia 20, o delegado e deputado estadual suplente utilizou suas redes sociais para questionar a razão.

“Não entendi o motivo pelo qual a CCJ da Alesc rejeitou o projeto que determinava ao Estado o fornecimento de certidão de antecedentes policiais pela internet. Na verdade, entendi. Não fácil lutar contra o sistema, ‘mas eu não vim até aqui para desistir agora, se depender de mim, eu vou até o fim’. Usemos a música dos Engenheiros como mantra. Vamos e vençamos! E que por vencidos não nos conheçam”, declarou.

O Projeto de Lei tem como objetivo instituir no Estado de Santa Catarina a emissão digital do atestado de antecedentes policiais, que poderá ser requerido e autenticado através do site da Polícia civil. “Através do implemento tecnológico, a matéria pretende desburocratizar a emissão do atestado que, muitas vezes, desvia o foco da atividade fim da autoridade policial e leva demasiado transtorno ao cidadão”, justificou.

Acesse o Projeto de Lei neste link.

Notícias Relacionadas

Índices de crimes caem bruscamente em Orleans

Segundo dados divulgados pela Polícia Civil, houve redução de 300% dos crimes de roubo e quase 30% do número de furtos.

Comissão aprova nome de José Nei Ascari ao TCE

Governador encaminha projeto de lei que institui data para homenagear bombeiros militares veteranos

A escolha da data comemorativa faz referência ao aniversário do coronel BM Milton Antônio Lazzaris, comandante-geral de honra da corporação, para representar todos os bombeiros militares.

Novos nomes do PSD se reúnem para discutir ações para as eleições deste ano