Geral

Um ano após naufrágio em Imbituba, cinco pessoas continuam desaparecidas

Foto: Divulgação/FAB

Um ano após o naufrágio de um barco pesqueiro na região de Imbituba, no Litoral Sul catarinense, cinco pessoas continuam desaparecidas. A embarcação com 24 tripulantes afundou em 20 de outubro de 2016. Duas pessoas morreram. As informações são do G1SC.

Maria Marta Adão é mãe de Leonardo Adão, 27 anos, um dos pescadores desaparecidos. “A gente fica naquela esperança. Pode estar vivo, pode aparecer. Então aquela dor, cada dia que passa ela vai aumentando”, disse.

No acidente, Leonardo estava com o pai na embarcação, o pescador Hernandes da Silva, quando duas ondas gigantes viraram o barco. Era a segunda viagem de Leonardo em alto-mar.

“Eu tinha agarrado dois galões. Eu pensei em dar um galão para ele segurar e eu seguraria o outro. Infelizmente, eu não vi mais”, conta Hernandes Silva.

Não há certidão de óbito para os desaparecidos. As famílias buscaram vários órgãos em busca do documento. “Eles dizem que tem que esperar, que está na mão do juíz”, disse a irmã de Leonardo, Ana Caroline Adão.

Sem resposta das autoridades

A capitania dos portos concluiu o inquérito sobre o acidente no início de 2017, mas não divulgou detalhes sobre a investigação. O processo foi encaminhado para o Tribunal Marítimo, que deverá apontar se houve um responsável pelo naufrágio.

Uma audiência foi marcada para novembro. O relato dos pescadores que estavam a bordo é que não havia condições seguras para a navegação, por causo do mau tempo. Muitos barcos ficaram em terra naquela data.

Para o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Pesca de Santa Catarina, Henrique Pereira, outro fator contribuiu para o barco virar: o porão tinha sido aberto para a retirada de alimentos.

“Um pedaço daquela onda, não tem nem como calcular quantos mil litros de água era. Estando o porão aberto aquela água entra para dentro. Lógico, tirou a estrutura da embarcação”, disse Pereira

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Correntista de Imbituba receberá com juros e correção valor retirado da conta sem sua autorização

Sem seu conhecimento e autorização, em janeiro de 2015, R$ 19 mil foram transferidos de seu domínio para a conta de outra pessoa.

PRF recupera automóvel furtado há quase um ano em Imbituba, na BR-101

O motorista, de 44 anos, foi preso e conduzido para a Polícia Civil de Imbituba.

Bombeiros comemoram três anos sem mortes por afogamento durante Operação Veraneio

Em contrapartida, casos de queimaduras com águas-vivas passaram dos 15 mil nas praias de Garopaba, Imbituba, Jaguaruna e Laguna durante toda a Operação Veraneio.