Geral

Valdir Fontanella toma posse da Prefeitura de Lauro Müller após 100 dias afastado

O prefeito foi recepcionado no Paço Municipal por cidadãos, servidores públicos, secretários e vários prefeitos da região da Amrec

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

A manhã desta sexta-feira (13) lotou o Paço Municipal de Lauro Müller. Os secretários, servidores, comunidade e políticos da região recepcionaram o Prefeito Valdir Fontanella em sua volta ao Governo Municipal, após 100 dias de afastamento.

Acompanhado da esposa Maria Emília Cesconetto, o prefeito recebeu o apoio e carinho dos presentes. Estavam presentes no Auditório do Paço Municipal o vice-prefeito Pedro Barp Rodrigues e os prefeitos da Amrec, Clésio Salvaro (Criciúma), Gustavo Cancellier (Urussanga), Nei Coral (Morro da Fumaça), Jaimir Comin (Treviso) e Hélio Cesa (Siderópolis), além de várias outras autoridades políticas.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Valdir falou sobre as investigações e lamentou ficar 100 dias fora do governo. “Eu me sinto bastante forte após um processo injusto, um processo onde as pessoas do mal se fizeram presentes. Somos fortalecidos pelo bem. Na minha vida particular todos me conhecem, pela minha caminhada nesses 63 anos. Na política fiz o melhor que pude: a valorização do dinheiro público. Esses bandidos, que fizeram com que perdesse 100 dias de governo, fizeram uma coisa muito ruim para a nossa cidade. Perdemos tempo para fazer o que estava na agenda de projetos, que infelizmente talvez não dará para fazer durante esse final de mandato. Tenho certeza e a convicção de que vamos trabalhar diuturnamente para que possamos fazer as obras que esse povo lauromulense está esperando e tanto precisa e merece”, comenta o prefeito.

Fontanella destacou ainda que as pessoas que o denunciaram anonimamente queriam lhe prejudicar. “Eu digo a eles que são muito pequenos e temos que ser grandes. Grande é o que está acontecendo: a justiça me conduziu ao cargo por unanimidade. É isso que temos que falar: justiça em primeiro lugar. Eu espero ela, porque sempre fiz as coisas corretas. Essas pessoas quiseram me derrubar, mas a trajetória da minha vida e meu feito é maior que essa bandidagem que quiseram fazer comigo. Tenho certeza que a minha volta é com mais energia e gás para fazer com que tudo isso aconteça. Não tenho nenhum receio de que possa arranhar minha imagem, porque não tenho mau feito. Tenho certeza e convicção que as coisas vão dar muito certo de agora em diante”, ressalta.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

O prefeito falou sobre o bom trabalho da justiça e do Ministério Público no caso. “A justiça está fazendo o papel dela. Os bandidos são essas pessoas que denunciaram dezenas de vezes. O Ministério Público e a justiça estão fazendo a investigação e cumprindo o seu papel, que é tão necessária no país que vivemos hoje”, disse.

O prefeito também projetou os próximos passos para Lauro Müller. “Vamos retornar a partir desta sexta-feira (13) e na segunda-feira (16) iniciaremos o ginásio de esportes com recursos próprios e a pista da ciclovia com recursos do ex-deputado federal Jorge Boeira. Também vamos iniciar as obras em 17 ruas. É bastante, mas é uma missão ao qual vamos concluir”, projeta.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

A investigação com Valdir continua, mas o prefeito diz que não teme nada. “A investigação continua e até agora não sei como está porque é segredo de justiça e não temos muito acesso. Não tenho medo disso, porque não tenho mau feito. A investigação quero que seja concluída e, no final, o desfecho com certeza será o arquivamento porque não há nada a temer”, destaca.

Mesmo com as investigações em curso, Fontanella diz se sentir aliviado por voltar ao cargo de prefeito. “É um sentimento de alívio forte, porque tínhamos a impressão de estar carregando um caminhão de 100 toneladas nas costas. Hoje a tranquilidade que nos dá parece que estamos flutuando no ar”, descreve.

Ao ser questionado sobre uma possível reeleição, o prefeito disse que seu foco é trabalhar pelo município. “Temos que trabalhar e vou focar no trabalho. Eleição ainda faltam vários meses e vamos ver o que vai acontecer. Vamos ver se me entusiasmo ainda para isso, mas nesse momento quero trabalhar por esse povo e essa gente”, finaliza.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

O vice-prefeito, Pedro Barp, fez uma análise dos 100 dias que esteve à frente da prefeitura. “Essa foi a 11ª vez que assumi a prefeitura. Cem dias de governo é muito tempo. Deu para darmos sequência no que estava sendo começado e fazer algumas ações. Hoje é um dia de muita alegria porque o prefeito Valdir Fontanella voltou ao cargo. Eu como vice-prefeito estou fazendo o meu papel, que é assumir a prefeitura quando o prefeito não está ou tem algum problema. Quero agradecer a população de Lauro Müller, a todos os colaboradores que me ajudaram a administrar durante esses 100 dias. Fiz minha parte e fizemos o que foi possível. Agradeço de coração a todo o município de Lauro Müller pelo apoio durante esses 100 dias”, agradeceu Barp.

Letícia de Oliveira/Sul In Foco

Notícias Relacionadas

Governo Municipal divulga calendário para cadastramento relativo ao saque do FGTS dos atingidos pelas chuvas de maio

O atendimento será realizado a partir da próxima terça-feira (22), seguindo até sábado (26), no Centro de Múltiplo Uso, na rua Humberto Salvan, no bairro Esperança.

Ex-secretário de Administração de Orleans e empresa tem bens bloqueados

Segundo o Ministério Público, Eduardo Bertoncini era responsável pela pasta na gestão do ex-prefeito Marco Antônio Bertoncini Cascaes

Voos de drones, para captar informações geográficas de Lauro Müller, começam na próxima semana

Trabalho de coleta de informações é parte do Projeto de Gestão Territorial desenvolvido pela Unesc para o município.

Prefeitura de Jacinto Machado vacina idosos contra a gripe em casa para evitar aglomerações nos postos

No total, são 2.200 pessoas acima de 60 anos, que serão imunizados.