Geral

Alerta de chuvas: SC tem seis regiões em vermelho, com alto risco, e previsão de temporais

Na Grande Florianópolis, nos últimos quatro dias, foram mais de 200 mm de chuva na cidade, mais do que os 129 mm esperados para o mês de novembro

Foto: Willian Ricardo/ND

As chuvas que assolam Santa Catarina tendem a se intensificar nesta quarta-feira (30). Na Grande Florianópolis, nos últimos quatro dias, foram mais de 200 mm de chuva na cidade, mais do que os 129 mm esperados para o mês de novembro. Segundo a Prefeitura de Florianópolis, nas próximas 48 horas pode chover mais 200 mm.

Na região Norte do Estado, municípios como Schroeder, a precipitação em grande volume já atinge mais de 500 mm no índice acumulado.

O boletim meteorológico da Defesa Civil aponta, que uma instabilidade atmosférica somado a uma circulação marítima contribuem para a ocorrência de altos volumes de chuva em curto espaço de tempo.

Nesta quarta-feira, na parte da manhã, as chuvas ocorrem de forma intensa e persistente entre a região do Baixo e Médio Vale do Itajaí. Entre o final da manhã e início da tarde, avançam para a região da Grande Florianópolis.

A Defesa Civil alerta ainda para a possibilidade da chuva se propagar com forte intensidade para as regiões do Litoral e Planalto Sul catarinense entre a tarde e a noite desta quarta.

Nas áreas em vermelho do mapa, os acumulados de chuvas previstos variam entre 70 e 150 mm, sendo que pontualmente as precipitações poderão alcançar os 200 mm, especialmente na região da Grande Florianópolis.

Nas regiões dos Planaltos ao Litoral catarinense, o risco é alto a muito alto para a ocorrências como alagamentos, deslizamentos, inundações e enxurradas.

Outro alerta da Defesa Civil informa a possibilidade de ocorrências com temporais e descargas elétricas, rajadas de vento e eventual queda de granizo a partir da tarde desta quarta-feira, principalmente nas regiões de divisa com o Paraná e em áreas do Oeste e Meio Oeste catarinense.

Condição do vento e do mar:

Nesta quarta-feira, os ventos sopram de direção leste/sudeste em todo o Estado, com intensidade fraca a moderada. Nas regiões costeiras e na Serra catarinense, as rajadas podem superar pontualmente os 60 km/h.

No mar, ondulações de leste no Litoral Norte e Grande Florianópolis e de nordeste no Litoral Sul. As alturas das ondas em todo o Litoral variam entre 1,5 m e 2,5 m, com picos de até 3m.

Condição do tempo para o resto da semana:

Na quinta-feira (1º), as chuvas seguem ocorrendo, porém de forma menos volumosa do que observado em dias anteriores nas regiões dos Planaltos ao Litoral do Estado. A intensidade da precipitação varia entre fraca a moderada.

O risco para ocorrências como alagamentos e deslizamentos segue alta a muito alta em toda a faixa Leste do Estado. Isso ocorre, pois mesmo com a diminuição nos volumes de chuva, o solo segue saturado com tanto volume de chuvas.

A partir da tarde desta quinta, a combinação de calor, umidade e instabilidades atmosféricas favorecem a ocorrência de temporais em todo território catarinense, sendo as regiões de divisa com o Paraná as áreas de maior chance de ocorrência decorrente das chuvas.

O tempo para a sexta-feira (2), indica a possibilidade de fazer calor somente na região do Oeste do Estado. Dados revelam a possibilidade de atingir 35 ºC no Extremo Oeste catarinense, nas demais regiões, há chance para temporais isolados com chuva pontualmente intensa, raios, descargas elétricas e queda de granizo.

As áreas que exigem maior atenção para as precipitações de chuva são os Planaltos, Vale do Itajaí e todo o Litoral de Santa Catarina. O risco para ocorrências associadas aos temporais é moderada a alta em todo o Estado.

Final de semana se mantém chuvoso e faz calor em todo o Estado:

Entre sábado (3) e domingo (4), a chuva segue ocorrendo em forma de pancadas e temporais isolados em todo o Estado. Entre as tardes e as noites destes dias, a chance de descargas elétricas, rajadas de vento associadas aos temporais e queda de granizo são maiores.

No final de semana, a sensação térmica passa a ser de bastante calor, com as temperaturas máximas ficando em torno dos 30°C em todas as regiões de Santa Catarina.

Com informações do ND+

Notícias Relacionadas

Governo Municipal divulga calendário para cadastramento relativo ao saque do FGTS dos atingidos pelas chuvas de maio

O atendimento será realizado a partir da próxima terça-feira (22), seguindo até sábado (26), no Centro de Múltiplo Uso, na rua Humberto Salvan, no bairro Esperança.

Alagamentos e enchentes exigem ações para prevenção de doenças

Temperaturas voltam a subir nesta segunda-feira e SC tem previsão de chuva rápida

A partir da tarde, irá ocorrer a passagem de uma frente fria no Sul e no Litoral.

Domingo de sol e temperaturas de até 38°C

Previsão indica que, o pico dessa onda de calor deverá ocorrer os dias 2 e 3 de janeiro, com a máxima na casa dos 40ºC.