Segurança

Beijo forçado provoca confusão generalizada em SC com briga e esfaqueamento

Homem tentou agarrar jovem, esfaqueou vítima e acabou agredido por populares

Giroflex PM foto noturna

Divulgação

Um homem esfaqueado por um grupo de pessoas em Itajaí acabou recebendo voz de prisão após a polícia descobrir o motivo da agressão. Ele teria tentado beijar a vizinha à força, perseguindo e golpeando a jovem com uma faca. O caso aconteceu na noite de domingo (7).

A Polícia Militar seguiu para o bairro Espinheiros por volta das 21h30min. Chegando ao local, encontrou cerca de 20 pessoas ameaçando o morador de 34 anos. Ferido com ao menos três perfurações na mão, glúteo e cintura, o homem sequer soube dizer quem desferiu os golpes, já que foi um ataque generalizado.

Ainda conforme o registrado pela PM, foi necessário reforço para acalmar a multidão enquanto a vítima recebia atendimento dos bombeiros militares. Duas facas foram apreendidas e o carro do homem, que era motorista de aplicativo, foi fotografado porque foi danificado pelos populares.

A PM então passou a entender o que havia acontecido. O homem contou que foi atacado depois que a vizinha, de 20 anos, chegou à casa dele e o acusou de assédio. Ele estava fazendo um churrasco com a esposa e, assim que a conhecida saiu do local, um grupo de pessoas entrou e o agrediu a facadas.

Os policiais foram atrás da jovem, que estava em uma Unidade de Pronto Atendimento por conta de um ferimento por faca na altura da axila. Ela contou que o motorista de aplicativo a ofereceu uma carona, mas em troca passaria diante de um bar para fazer ciúmes a uma mulher.

Porém, no caminho, o vizinho tentou beijá-la à força. Ela conseguiu escapar, mas ele a seguiu. Assustada, a jovem jogou uma pedra no conhecido, ainda conforme relatado à PM. O homem então continuou a perseguição e a esfaqueou embaixo do braço.

Assim, o morador recebeu voz de prisão por tentativa de homicídio contra a garota. Como estava internado, seria levado à delegacia depois da alta médica para a concretização do flagrante. O esfaqueamento coletivo será investigado pela Polícia Civil.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Responsável por pichações na Casa do Papai Noel é identificado pela Polícia Civil

Caso foi acompanhado pela Defesa Civil, que auxiliou nas investigações

Natal Show da Educação em Braço do Norte é cancelado

A medida se faz necessária para cumprir as Portarias n. 1303/2021 e n. 1305/2021, ambas da Secretaria de Estado da Saúde

Satc lança curso de elétrica para funcionários de cooperativas

Curso, que terá seu início em março de 2022 é destinado a técnicos, engenheiros ou pessoas que interagem em manutenção e construção de redes de energia elétrica

PP de Lauro Müller promoverá Convenção Municipal nesta quinta-feira

O evento ocorrerá a partir das 19h30min, no Balneário Godinho, e contará com a presença de lideranças estaduais.