Saúde

Cocal do Sul intensifica ações de combate à dengue

De acordo com dados divulgados pela Dive, desde o início do ano até agora foram mais de 20 mil casos da doença em Sana Catarina

Divulgação

A Secretaria Municipal de Saúde de Cocal do Sul, por meio da Vigilância Epidemiológica, tem intensificado as ações de combate à dengue, doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Com os casos aumentando de forma significativa em todo o estado, fica o alerta à população para que redobre os cuidados.

De acordo com dados divulgados pela Dive, desde o início do ano até agora foram mais de 20 mil casos da doença em Sana Catarina, dos quais 16 pessoas morreram. A Secretaria de Saúde e equipe da Vigilância Epidemiológica têm monitorado as residências e terrenos para orientar ou identificar focos de larvas do mosquito da Dengue. Em Cocal do Sul, a agente Kariny Raimundo Silveira tem atuado à frente dos trabalhos.

“A prevenção por meio da orientação é realizada durante o ano todo, mas agora estamos intensificando as orientações por conta da chegada do verão e temperaturas mais elevadas, condições essas propícias para a proliferação do mosquito da dengue. Fazendo assim, um alerta para a população redobrar o cuidado e eliminar possíveis criadouros do mosquito”, comenta o secretário municipal de Saúde, Sidney Duarte de Oliveira.

Nesta semana, será realizada na Secretaria de Saúde uma roda de conversa com as agentes comunitárias, orientando sobre o combate à dengue e de que forma identificar possíveis focos nas residências.

Prevenção

Entre as orientações para se evitar a proliferação do mosquito da Dengue, estão:

  • Evitar o uso de pratos nos vasos de plantas e se usar, optar por colocar areia;
  • Guardar garrafas com o gargalo virado para baixo;
  • Manter lixeiras tampadas;
  • Deixar os depósitos d’água sempre vedados, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água;
  • Plantas como bromélias devem ser evitadas, pois acumulam água;
  • Tratar a água da piscina com cloro e limpe-a uma vez por semana;
  • Manter ralos fechados e desentupidos;
  • Lavar com escova os potes de comida e de água dos animais no mínimo uma vez por semana;
  • Retirar a água acumulada em lajes;

Notícias Relacionadas

Covid-19: chega ao fim estado de emergência em saúde pública no Brasil

Segundo o governo, nenhuma política pública de saúde será interrompida

Homem de 57 anos é preso após tentar beijar menina de 11 anos à força, em Orleans

Fato ocorreu na Rua Aristiliano Ramos, na tarde deste sábado, dia 21.

Número de transplantes de rim caiu nos últimos dois anos

Sociedade Brasileira de Urologia lançou campanha para estimular doação

PM de Criciúma efetua apreensão de mais de 20 quilos de maconha

A droga foi localizada na noite do último sábado, dia 21