Segurança

Corpo de Bombeiros explica sobre fumaça que cobre Araranguá

Fumaça que vem cobrindo a cidade há dois dias se trata de um incêndio em turfas, material orgânico resultante da decomposição de vegetação

Divulgação

O Corpo de Bombeiros de Araranguá divulgou uma nota nesta terça-feira, 16, para esclarecer sobre uma fumaça que vem cobrindo a cidade há dois dias. Ela foi registrada na região entre o bairro Coloninha e Lagoa da Serra, a aproximadamente cinco quilômetros de distância do centro da cidade. A fumaça se trata de um incêndio em turfas, material orgânico resultante da decomposição de vegetação.

Confira a nota:

”Entenda um pouco sobre a nuvem de fumaça que cobriu a cidade de Araranguá nos últimos dias. Trata-se de um incêndio em turfas.

A turfa é o tipo de material orgânico resultante da decomposição da vegetação que se acumula no solo e pode alcançar vários metros de profundidade. Esse incêndio queima de um a dois metros abaixo do solo.

É muito difícil combater esse tipo de incêndio, pois existe uma camada de terra por cima. Ou seja, a queima ocorre por baixo, tornando o local de difícil acesso, não sendo possível chegar com o caminhão e realizar o combate direto.

O Corpo de Bombeiros já esteve no local e todos os pontos do incêndio já foram monitorados. Não existe nenhuma residência próxima e nenhum risco em potencial.

Estamos em constante alerta com os riscos a vidas e patrimônio.

A guarnição de serviço, não está no local permanente, pois devido às demandas ordinárias e a outras diversas ocorrências, prejudicaria a qualidade do atendimento e o tempo resposta.

O Corpo de Bombeiros Militar de Araranguá segue em alerta.”

Com informações do TNSul

Notícias Relacionadas

Jovem morre afogado após salvar criança e adolescente no rio em SC: “Herói”

Corpo de Eduardo Cordeiro foi encontrado na manhã deste domingo (5)

Criança de seis anos é resgatada após queda de dois metros, em Paulo Lopes

Aeronave transportou a vítima até o Hospital Infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis

Defesa Civil de SC emite alerta para temporais neste domingo com vento forte e granizo

Dia de altas temperaturas pode ter registro de chuva intensa em um curto intervalo de tempo por todo o Estado, de acordo com a Epagri/Ciram

Beach clubs de Jurerê têm que demolir estruturas feitas após 2005, determina STF

Para o advogado, o STF não determina a demolição das estruturas, e afirma que elas podem ser "readequadas" a partir de requerimento