Geral

Criciúma confirma a sexta morte por coronavírus

De acordo com a Vigilância Epidemiológica, o óbito é de um homem de 79 anos, que morreu no dia 7 de maio.

Divulgação

Na noite do domingo (17), a Vigilância Epidemiológica da cidade de Criciúma, no Sul do Estado, confirmou a sexta morte decorrente de infecção por coronavírus. De acordo com o boletim divulgado, o óbito é de um homem de 79 anos, que morreu no dia 7 de maio. Após critério clínico epidemiológico foi confirmada a causa da morte.

Ainda segundo o levantamento divulgado pelo município, até o momento foram realizadas 2.874 coletas para exame. Destas, 296 foram confirmados, 2.126 foram descartados e 131 se recuperaram da doença. Seguem internados 28 pessoas, 14 aguardando resultados e 14 pacientes com exame positivo.

Mortes registradas na cidade

A primeira morte causada pela Covid-19 em Criciúma foi a do empresário Evaldo Stopassoli, de 73 anos, que morreu no dia 1º de abril. Ele era diretor-proprietário das rádios Araranguá e Transamérica, em Araranguá, e estava internado no Hospital da Unimed.

No mesmo dia, a cidade registrou a segunda morte por coronavírus. Uma idosa de 71 anos, moradora de Balneário Gaivota. O resultado do exame do Lacen (Laboratório Central de Saúde de Pública) atestou positivo para a doença, segundo o boletim epidemiológico divulgado no dia 4 de abril.

A terceira morte foi confirmada no dia 6 de abril. Trata-se de uma mulher de 79 anos que possuía comorbidades. A quarta morte foi de um idoso de 87 anos que morreu na noite do dia 7 de abril.

E no dia 10 de abril foi confirmada a morte do engenheiro e advogado Adão Rollin da Rosa, de 70 anos. Uma das lideranças da cultura negra de Criciúma foi o quinto óbito da doença.

Com informações do site ND Mais

Notícias Relacionadas

Coronavírus em SC: Governador planeja retomada gradativa da atividade econômica e projeta 713 novos leitos de UTI

O objetivo é adequar as medidas de isolamento à necessidade dos catarinenses com segurança.

Santa Catarina registra dois novos casos de coronavírus e divulga plano de contingência para enfrentar a doença

Prefeito de Nova Veneza assina decreto de formação da Comissão de Acompanhamento, Controle, Prevenção e Monitoramento ao Coronavírus

Nova Veneza não tem casos confirmados da doença, apenas pessoas em isolamento domiciliar que já foram acompanhados, mas devem permanecer em quarentena pois chegaram de viagem.

Secretaria da Saúde desmente notícias falsas sobre casos de coronavírus no Norte de SC

Informações da doença na cidade de São Ludgero também são falsas. Nenhum caso foi confirmado em Santa Catarina.