Segurança

Criciúma: Mãe acha bala de fuzil no chão de quarto de bebê após assalto

Família relata mudança de rotina e marcas deixadas após o assalto que aterrorizou a cidade do Sul de Santa Catarina

Divulgação

30 de novembro de 2020, 23h. Tudo normal. M.B leva o filho, de oito meses, para dormir no quarto dele. Meia hora depois, a criança chora e ela traz o menino loiro de olhos azuis para dormir no seu quarto, junto com o marido, R.B

Por volta da meia-noite, acordam com um barulho: o marido levanta, mas não encontra nada. Mesmo com barulho intenso nas ruas, voltam a dormir, imaginando que fosse alguém estourando foguete.

Na manhã seguinte, ela vai até o quarto do menino e encontra o vidro da janela quebrado e uma bala de fuzil no chão. “Eu fiquei histérica, nervosa”, relembra a esposa, que ligou para a polícia.

Desde então, a rotina não tem sido a mesma. “É desesperador, no quarto de um filho, poderia em qualquer outro lugar. Poderia ter atingido alguém. Se tivesse alguém na janela teria sido atingido”, relata.

O apartamento fica em torno de um quilômetro de distância da agência bancária atacada pelos bandidos.  “A gente ainda está se recuperando. O meu marido está abalado. Mas vai passar, graças a Deus que ninguém foi atingido”, desabafa a mulher.

Com informações do site NDMais

Notícias Relacionadas

Coronavírus em SC: Matriz aponta oito regiões em estado gravíssimo, sete em nível grave e uma com risco alto para Covid-19

Oito regiões do estado se encontram em nível gravíssimo (cor vermelha), sete regiões em nível grave (cor laranja) e uma região com nível alto (cor Amarela) de risco potencial para a Covid-19

Serviço 24 horas da CCR ViaCosteira contará com 4 Bases de Atendimento ao Usuário

A estrutura operacional e de atendimento completa conta com a prestação dos serviços médico, mecânico e inspeção permanente de tráfego

Secretaria de Educação de Lauro Müller divulga datas e horários para escolha de vagas

A escolha dos profissionais conforme cronograma, inicia na segunda-feira (1) e segue terça-feira dia (2), a partir das 9 horas, na sede da secretaria, na Rua Orleans, Centro

Agronegócio responde por 70% das exportações catarinenses em 2020

Os números são divulgados pelo Ministério da Economia e analisados pelo Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola