Segurança

Empresário de Criciúma é preso ao trazer mercadorias da Itália sem pagar impostos

Empresário de Criciúma é preso ao trazer mercadorias da Itália sem pagar impostos

Foto: Divulgação

A Polícia Federal prendeu nessa quarta-feira (31), no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, um empresário de Criciúma pelo crime de descaminho (importação ou exportação de mercadoria permitida em lei, no entanto, com fraude no pagamento de impostos e taxas em relação à compra efetuada).

De acordo com informações da Polícia Federal, os servidores da Receita Federal, por meio do serviço de inteligência, identificaram um homem suspeito de aplicar o “golpe do declarante” e aguardaram o seu desembarque procedente de Milão, na Itália.

Quando o passageiro entrou no canal de inspeção “declarante de bens” e informou que trazia na bagagem somente uma roda de bicicleta, cujo valor estaria orçado em torno de 800 euros, os servidores o conduziram a uma bancada para a realização de uma revista detalhada de suas bagagens.

R$ 43 mil em impostos

Dentro das malas, foi encontrada uma grande quantidade de peças de bicicletas avaliadas em mais de 26 mil dólares, que gerariam a obrigatoriedade de recolher aproximadamente R$ 43 mil em impostos. O homem, segundo a Polícia Federal, é proprietário de um grande comércio em Criciúma e já havia realizado 24 viagens ao exterior nos últimos nove anos. A PF foi acionada e prendeu o passageiro em flagrante pelo crime de descaminho.

Empresário de Criciúma é preso ao trazer mercadorias da Itália sem pagar impostos2

Bolsa feminina apreendida com passageira da Guatemala

Passageira com cocaína

No mesmo dia, uma mulher, natural da Guatemala, também foi presa por policiais federais quando tentava desembarcar com mais de dois quilos de cocaína dentro de uma bolsa feminina. A droga, que estava distribuída em três volumes, teria como destino a cidade de Entebbe, na Uganda.

Presídios estaduais

De acordo com a Polícia Federal, os presos foram conduzidos aos presídios estaduais onde permanecerão à disposição da Justiça.

Com informações do Portal Engeplus

Notícias Relacionadas

Polícia Civil cumpre mandados contra suspeitos de latrocínio em Sombrio

DIC de Criciúma apreende 1,5 kg de maconha e munição de calibre restrito

Revólver, munições e droga são encontrados durante blitz realizada pela PMRv de Içara

Acusados do latrocínio de motorista de aplicativo em Içara têm prisão convertida em preventiva

A decisão é do juízo da 2ª Vara da comarca de Içara.