Geral

Governo do Estado mantém operação de apoio aos municípios atingidos pelas chuvas

Para apoiar os municípios, sete coordenadorias regionais da DCSC estão mobilizadas

Divulgação

O atendimento nas áreas atingidas pelas tempestades nesta semana segue acelerado pelas equipes do Governo do Estado. Até o momento 23 municípios relataram ocorrências em função das fortes chuvas. São eles: Balneário Gaivota, Brusque, Camboriú, Canelinha, Criciúma, Cocal do Sul, Guaraciaba, Gravatal, Içara, Imbituba, Imaruí, Itajaí, Jaguaruna, Laguna, Luiz Alves, Morro da Fumaça, Nova Veneza, Penha, Santa Rosa Do Sul, Tubarão, Timbó e Timbé do Sul.

Os trabalhos estão sendo acompanhados de perto pelo governador Carlos Moisés e pelo chefe da Defesa Civil de Santa Catarina (DCSC), David Busarello. “Toda a estrutura do Governo do Estado está mobilizada e trabalhando em defesa da segurança das pessoas e para a reconstrução do que foi danificado. Mantemos um diálogo próximo com os municípios para somar forças neste momento”, afirma o governador.

Já foram liberados pela Defesa Civil de Santa Catarina 285 cestas básicas, 363 colchões, 303 kits de acomodação, 316 kits de higiene, 257 kits de limpeza e cinco rolos de lona. Os itens de assistência humanitária foram entregues nesta quinta-feira, 10, para as famílias atingidas no município do Sul do Estado. A entrega continua nesta sexta-feira, 11, com uma grande operação de logística que conta com o apoio do Ministério Público de Santa Catarina.

Para apoiar os municípios, sete coordenadorias regionais da DCSC estão mobilizadas. “Estamos dando todo o suporte e apoio aos municípios e temos a orientação do governador Carlos Moisés de não medir esforços para proporcionar uma resposta rápida às famílias atingidas”, comentou Busarello. O chefe da Defesa Civil destaca que devido aos altos acumulados registrados nos últimos dias um aviso foi emitido sobre o risco de deslizamentos para 28 cidades catarinenses, sendo Canelinha com alerta máximo, Tubarão e Camboriú em alerta.

Notícias Relacionadas

São Ludgero antecipa para amanhã (26) a segunda dose da vacina contra Covid-19

A Sala de Vacinas funciona na ESF Margem Esquerda das 7 às 16 horas sem fechar ao meio-dia

Epagri amplia monitoramento do vento junto ao Porto de Imbituba

Ele explicou que a estação anemométrica foi instalada, a pedido do Porto, numa posição estratégica junto ao cais

Equipe de Obras de São Ludgero segue com os trabalhos para pavimentar mais 500 metros da Rua Augusto Becker

A extensão vai da rua Joinville até em frente a empresa Biamplast (apenas referência)

Segunda fase da Láurea Estudantil de Criciúma reúne mais de mil alunos

Resultado será divulgado no mês de dezembro com uma premiação surpresa