Geral

IBGE abre vagas para recenseadores em Lauro Müller

Para atender a demanda das entrevistas, estão abertas três vagas para agentes de supervisão e 14 vagas para recenseadores, que vão atuar em todos os bairros de Lauro Müller.

Divulgação

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abre inscrições para processo seletivo de pessoal para o Censo 2020. Para atender a demanda das entrevistas, estão abertas três vagas para agentes de supervisão e 14 vagas para recenseadores, que vão atuar em todos os bairros de Lauro Müller.

As inscrições começaram na quinta-feira (05) e são feitas neste site, encerrando no dia 24 de março. A taxa de inscrição para as funções de supervisor é de R$ 35,80 e para Recenseador, de R$ 23,61.

Os vencimentos de recenseador variam de acordo com a produção de entrevistas. O mínimo de horas trabalhas por semana é de 25, rendendo salário de R$ 1.667,28 para coletas em áreas urbanas e R$ 1.825,80 para entrevistas nas áreas rurais (com 48 entrevistas e 149 pessoas entrevistadas). O máximo é de 50 horas/semana, rendendo proventos de R$ 3.341,76 no urbano e R$ 3.659,52 na rural (96 entrevistas e 299 pessoas entrevistadas). De acordo com o IBGE, a remuneração do candidato utiliza como base de cálculo as características de cada município, os tempos médios de duração das entrevistas e deslocamento durante o trabalho de coleta. O salário do Agente Censitário Supervisor é de R$ 1.700 mais R$ 458,00 de extras para 40 horas semanais.

Para o cargo de Agente Censitário Municipal é preciso ter ensino médio completo e a função tem como responsabilidade acompanhar as atividades da coleta de dados, garantindo a perfeita cobertura da área territorial, o cumprimento dos prazos e a qualidade das informações coletadas; acompanhar o Agente Censitário Supervisor no início da coleta da pesquisa urbanística do entorno de domicílios para obter o conhecimento prático, entre outras.

O Agente Censitário Supervisor também necessita ter o ensino médio completo e tem como funções acompanhar os recenseadores em campo para esclarecimento de dúvidas quanto à identificação dos limites dos setores censitários e percursos, visando à cobertura correta de suas áreas de trabalho; monitorar a produtividade dos Recenseadores; adotar as providências relativas à contratação, prorrogação de contratos e desligamento de Recenseadores; auxiliar os Recenseadores na solução dos casos de recusa ou resistência de informantes em atendê-los.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Lauro Müller

Notícias Relacionadas

Royalties do petróleo: STF reconhece que IBGE usou critérios ilegais para traçar a projeção marítima da costa de SC

Desde a década de 1990, diferentes procuradores do Estado atuaram no processo, além de servidores da própria PGE e de outros órgãos públicos estaduais, o que evidencia um trabalho coletivo que vai beneficiar todos os catarinenses.

IBGE inicia a Pesquisa de Orçamentos Familiares 2017/2018 na região

A POF é o levantamento mais detalhado sobre os padrões de consumo dos brasileiros. Baseado nessa pesquisa, o IBGE atualiza a cesta de itens do Índice de Preços ao Consumidor Amplo - IPCA.

Santa Catarina tem a menor taxa de desocupação do país em junho, aponta IBGE

Ainda segundo a Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), Santa Catarina se mantém com o menor percentual de pessoas na informalidade.

Orleans é destaque na geração de empregos em setembro abrindo 105 novas vagas

Desde janeiro já foram criados 340 novos postos de trabalho destacando Orleans na região