Esporte

Karatê de Criciúma conquista sete medalhas em Campeonato Estadual

Lutas aconteceram neste fim de semana em Joinville

Divulgação

Os atletas de Karatê da Fundação Municipal de Esportes (FME) de Criciúma/Associação Sul Catarinense de Karatê disputaram neste fim de semana uma etapa do Campeonato Estadual, em Joinville, e alcançaram uma medalha de ouro, três de prata e três de bronze.

O ouro veio com Yuri Candido; já medalhas de prata foram conquistadas pelos atletas Otto Sombrio e Letícia Pereira venceu duas vezes; o bronze foi alcançado por Guilherme Duarte, Kauan Candido e Vitor Machado. Eles foram comandados pelo técnico Edmundo Candido.

“Estivemos com 10 atletas, e com as sete de medalhas alcançamos 70% de aproveitamento nas lutas. Estamos sempre em busca dos melhores resultados e acreditamos no potencial de cada um”, destacou o técnico.

Segundo o presidente da FME Criciúma, Neto Uggioni, cada conquista dos atletas merece ser exaltada. “Eles estão elevando o nome do esporte criciumense em todas as competições que participam, ficamos muito felizes com a dedicação de todos”, frisou.

“Nosso karatê vem dando sinais de crescimento, graças ao trabalho dos professores, técnicos e atletas, do apoio da FME e também agradecemos aos pais, que confiam em nosso trabalho”, ressaltou o coordenador da modalidade, João Batista Cândido.

Notícias Relacionadas

Jovem morre afogado após salvar criança e adolescente no rio em SC: “Herói”

Corpo de Eduardo Cordeiro foi encontrado na manhã deste domingo (5)

Criança de seis anos é resgatada após queda de dois metros, em Paulo Lopes

Aeronave transportou a vítima até o Hospital Infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis

Defesa Civil de SC emite alerta para temporais neste domingo com vento forte e granizo

Dia de altas temperaturas pode ter registro de chuva intensa em um curto intervalo de tempo por todo o Estado, de acordo com a Epagri/Ciram

Beach clubs de Jurerê têm que demolir estruturas feitas após 2005, determina STF

Para o advogado, o STF não determina a demolição das estruturas, e afirma que elas podem ser "readequadas" a partir de requerimento