Geral

Lei Aldir Blanc conclui pagamento aos contemplados em Criciúma

Valor investido foi de aproximadamente R$ 1,4 milhão e cerca de 420 pessoas receberam o benefício

Divulgação

A Lei Aldir Blanc, nº 14.017, assinada pela Fundação Cultural de Criciúma (FCC), já concluiu os pagamentos de aproximadamente R$ 1,4 milhão aos contemplados. A medida serve para promover ações que garantem uma renda emergencial aos profissionais da cultura durante a pandemia do coronavírus. Além disso, a manutenção dos espaços culturais brasileiros também é pautada no recurso.

O valor foi pago em parcela única e cerca de 420 pessoas receberam o benefício. Um termo de compromisso foi assinado pelos 84 proponentes de cada projeto, que é divido em cinco categorias. Os valores deles são R$ 3 mil, R$ 10 mil, R$ 15 mil, R$ 20 mil e de R$ 22 mil.

As categorias são: individual, duas pessoas, três pessoas, quatro pessoas e a preservação dos locais da cultura. “Graças a participação de toda a equipe da Fundação Cultural, conseguimos concluir esses pagamentos até mesmo antes do prazo, conseguindo concluir 100% do valor do edital”, destacou o diretor de Turismo da FCC, Ismail Ahmad Ismail.

Notícias Relacionadas

Incêndio de grandes proporções atinge madeireira em Orleans

O Corpo de Bombeiros de Orleans foi acionado na manhã deste domingo, dia 20, por volta das 6h20min da manhã, para atender um incêndio em uma madeireira no bairro Oratório, município de Orleans.

Nova Veneza celebra 130 anos com entrega de rua e corte de bolo

O tradicional corte do bolo de aniversário também foi realizado.

Mais de 300 mil doses de vacina contra Covid-19 desembarcam em SC

Nova remessa com doses do imunizante deve chegar ao aeroporto da Capital Catarinense durante a noite.

Urussanga: dois homens são presos por tráfico de drogas

Cerca de 43 buchas de cocaína, celulares e dinheiro foram apreendidos.