Saúde

Mais de mil e quinhentas pessoas foram imunizadas contra o sarampo no Dia ‘D’ em Criciúma

Objetivo da campanha é que pessoas com idade entre seis meses e 49 anos recebam a vacina tríplice viral que previne contra o sarampo, caxumba e rubéola

Divulgação/Decom

Desde o início da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo no último dia 10, mais de 2,1 mil pessoas foram imunizadas em Criciúma. Só no dia ‘D’ de mobilização nacional, aproximadamente 1,5 mil receberam a vacina tríplice viral (que protege contra o sarampo, a rubéola e caxumba) neste sábado (15). O público-alvo definido pelo governo estadual é a população com idades entre seis meses e 49 anos. São duas doses para pessoas até 29 anos e uma dose para o público de 30 a 49 anos.

No dia ‘D’, compareceram quase 5,5 mil pessoas às Unidades Básicas de Saúde (UBSs). A maioria não precisou se vacinar porque já estava com as doses completas. “Não temos uma meta fixa pois essa campanha é seletiva e só faz quem ainda não fez a vacina. Nós ficamos felizes com os resultados até agora, pois nessa primeira semana tivemos mais do que somando os das campanhas de outubro e novembro”, explica a enfermeira do Programa de Imunização de Criciúma, Liane Magnus da Silva.

Sintomas

Febre alta, coriza e tosse são alguns dos sintomas do sarampo, uma doença viral transmitida por meio de gotículas respiratórias, seja pela tosse, espirro ou fala. O sarampo pode ser evitado com vacina. Quem precisa completar as doses ou não tem o histórico de vacinação deve comparecer às unidades de saúde, das 8h às 17h. A campanha segue até o dia 13 de março. Conforme o Ministério da Saúde, a segunda etapa deverá ocorrer em agosto.

Notícias Relacionadas

Secretaria de Saúde de Criciúma reforça chamado de gestantes, puérperas e crianças para vacinação contra influenza

Agentes Comunitários de Saúde visitarão as residências para monitoramento e intensificação de informações por causa da baixa adesão à campanha nacional

Rever: aplicativo que contribui para a coleta seletiva já tem grande demanda de usuários em Criciúma

Plataforma digital auxilia nas denúncias de irregularidades e solicitações para coletas

Polícia Civil apresenta dados positivos na repressão de roubos em Criciúma com prisões realizadas e criminosos identificados

Comparado com 2018, os dados indicam redução de roubos com uso de arma de fogo, roubos em residência e roubos com mais de três autores, com estabilização da quantidade de roubos gerais.

Tribunal de Justiça catarinense confirma pena para empresário que vendeu pipoca com rato dentro em Criciúma

Uma das vítimas, após ingerir a pipoca, teve intoxicação alimentar aguda causada por alimento contaminado.